Alunos da rede estadual terão aulas em TV aberta

Foto: Divulgação

O governador do Amazonas, Wilson Lima, lançou, nesta sexta-feira (20/03), o programa ‘Aula em Casa’, regime especial de aulas não presenciais que vai alcançar 180 mil alunos de Manaus e mais quatro municípios do estado. O Estado é o único do país a oferecer ensino à distância na rede pública como forma de prevenção à propagação do novo Coronavírus (Covid-19) e para evitar mais atrasos no cronograma escolar.

O programa é executado em parceria entre a Secretaria de Educação e Desporto (Seduc) e a TV Encontro das Águas e vai possibilitar a transmissão de aulas em três canais de televisão aberta e em plataformas online. Além de Manaus, a transmissão será feita para Iranduba, Manaquiri, Careiro da Várzea e Rio Preto da Eva, atendendo 180 mil estudantes. As aulas começam na segunda-feira (23/03).

A decisão foi tomada para que não haja prejuízo ao calendário escolar para boa parte da rede de ensino, evitando antecipação do recesso e/ou a reposição de aulas, que são processos prejudiciais ao calendário.

O Governo do Amazonas estuda alternativas para os demais municípios do estado não cobertos pelo sinal da TV Encontro das Águas. As aulas da rede estadual de ensino em todo estado estão suspensas por 15 dias.

Foto: Divulgação

“A suspensão das atividades no Estado do Amazonas não significa que as pessoas estão de férias, tem muita gente confundindo isso, achando que não está indo para a escola porque está de férias e não é isso.
As medidas que o mundo está tomando em relação à suspensão das atividades letivas são pra preservar a nossa população e evitar que o novo Coronavírus se propague”, frisou o governador do Amazonas.

No sábado (21/03), a Secretaria de Educação vai divulgar as orientações necessárias para o acesso às plataformas digitais, horários e canais no site da pasta: www.educacao.am.gov.br

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui