Amazonas antecipa Crédito Emergencial com financiamentos até R$ 100 mil

Foto: Diego Peres/Secom

O Governo do Amazonas antecipa, para a próxima segunda-feira (11/01), a concessão do Crédito Emergencial para microempreendedores, profissionais liberais, autônomos e produtores rurais. O auxílio é oferecido por meio da Agência de Fomento do Estado do Amazonas (Afeam) com o objetivo de ajudar o setor afetado pela pandemia tanto na capital quanto no interior. Os valores dos financiamentos variam de R$ 500 a 100 mil, de acordo com a atividade produtiva de crédito do interessado.

Por meio do Crédito Emergencial, segundo o presidente da Afeam, Marcos Vinícius Castro, os valores atingem um orçamento de R$ 140 milhões para 2021, representando aumento de 22% em relação ao ano de 2020. As taxas de juros variam de 3,6% a 9,6% ao ano, com bônus de adimplência de 25%.

“Nós vamos manter as mesmas taxas praticadas em 2020, em 20% de desconto, e as nossas taxas de juros vão variar de 3,6% a 9,6%. É importante destacar que teremos um bônus para quem paga em dia, um desconto de 25% nessas taxas de juros, e principalmente agora, nesse momento crítico que estamos vivendo, é o socorro do Governo do Estado através da Afeam, ter 180 dias para começar a pagar os financiamentos”, explicou Marcos Vinícius.

Como participar

Para ter acesso ao programa, o interessado precisa enviar as documentações que constam no site da Afeam e, dependendo do valor solicitado, também é exigida garantia de avalista. A Afeam também analisará o porte das empresas que queiram solicitar financiamento acima de R$ 100 mil. Mais informações, lista de documentos e demais informações sobre o Crédito Emergencial estão disponíveis no site da Afeam (www.afeam.am.gov.br).

Renegociação

Outra medida anunciada pelo Governo do Estado é a renegociação emergencial por meio da Afeam, que vai até o dia 30 de abril. Nesse sistema, clientes adimplentes até o dia 31 de dezembro de 2020 que tiveram os negócios paralisados neste início do ano podem solicitar o prazo de carência, de até 180 dias, para retornarem os pagamentos. Os clientes inadimplentes também poderão renegociar com condições especiais, por meio dos números de Whatsapp: (92) 99126-4047, 3655-3047, 3655-3061 e 3655-3037.

“São medidas realmente mais robustas para as atividades produtivas. Com isso esperamos já passar por esse momento, vir a vacina, e as atividades retornem a funcionar novamente. É o Governo do Estado, através da Agência de Fomento, que é um crédito de desenvolvimento. Então vai atingir todos os setores como o agronegócio, os comerciantes, os prestadores de serviço e a indústria”, finalizou o presidente da Afeam.

Linha de crédito

Em 2020, mais de 9,8 mil empreendedores puderam contar com a linha de crédito disponibilizada pelo Governo do Estado. O setor mais financiado foi o comércio, seguido por serviço, agronegócio e indústria. O valor total aplicado em 2020 foi de R$ 115,1 milhões, sendo 99% destinado ao Crédito Emergencial.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui