Atletas de Benjamin Constant ganham medalhas na seletiva para campeonato de Wrestling

Foto: Divulgação

Quatro atletas de Benjamin Constant, que fazem parte do Projeto Bom de Luta, ganharam importantes medalhas na seletiva para o Campeonato Estudantil de Wrestling, ocorrido no Amapá, entre os dias 10 e 11 de abril deste ano. Os atletas competiram por vagas no campeonato internacional da modalidade, que será realizado na França esse ano.

O atleta Ronal Dante Dellacota trouxe duas medalhas da competição, sendo uma delas o bronze, que ele ganhou competindo na modalidade estilo livre. A outra medalha foi de prata, obtida na modalidade luta greco-romana, categoria 80 kg. Já outro medalhista integrante do projeto, Kailon Silva, ganhou medalha de bronze na categoria estilo livre e prata na modalidade greco-romana, categoria até 48 kg. André Bindá foi medalhista na modalidade greco-romana de até 65 kg, sendo vencedor do bronze. Competindo como equipe, todos voltaram com a medalha de ouro, sendo representantes do amazonas.

O prefeito de Benjamin Constant, David Bemerguy, disse que essa conquista foi mais uma grande vitória para o projeto Bom de Luta, criado e mantido pela Prefeitura Municipal, por meio da Secretaria de Assistência Social.

“Os atletas desse projeto social e desportivo seguem alcançando as colocações mais altas em competições nacionais e internacionais. É uma vitória da Secretaria Municipal de Assistência Social, responsável pelo Bom de Luta, e de todos os benjaminenes. Nossos lutadores competiram com a elite da luta olímpica brasileira, superando vários adversários, e voltam para casa com a merecida recompensa. É um orgulho imenso para todos nós”, declarou Bemerguy.

O Coordenador do Bom de Luta, Jhonny Franco, destaca o alto nível técnico da delegação benjaminense e aponta como essas vitórias podem dar visibilidade ao município.

“As lutas dos atletas de Benjamin foram eletrizantes, consideradas as melhores do evento. Os meninos deram um verdadeiro show. O Brasil inteiro está olhando para nosso município e vendo nossa evolução. Dois de nossos atletas chegaram a ser declarados campeões em suas categorias e ficaram com a prata por questões de arbitragem. Mas isso não tira o mérito e o brilho das nossas conquistas”, concluiu Franco.

O projeto Bom de Luta usa o esporte como instrumento de transformação na vida de crianças, jovens e adolescentes benjaminenses, utilizando os benefícios da prática esportiva para o desenvolvimento físico, técnico e socioemocional dos atletas.

A participação de Benjamin Constant na seletiva foi viabilizada pela parceria entre a administração municipal, a Federação Amazonense de Luta-Livre Esportiva e Luta Olímpica (FALLE), Confederação Brasileira de Deporto Escolar (CBDE) e a Confederação Brasileira de Wrestling (CBW).

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui