Comitê do Garantia Safra vai atender sete municípios do Amazonas

Foto: Divulgação

Para alinhar acesso e procedimentos junto ao sistema de controle no Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa), a Secretaria de Estado de Produção Rural (Sepror), por meio da coordenação do Comitê Estadual do Fundo Garantia Safra, participou, na segunda-feira (2), de uma reunião on-line com a Coordenação Geral Operacional do Fundo, sediada em Brasília. O encontrou iniciou o processo para as adesões municipais, inscrição e seleção de agricultores dos primeiros sete municípios, todos da Bacia do Juruá, para participar do programa do Governo Federal, a partir de setembro.

Da reunião participaram o primeiro suplente da coordenação pelo Amazonas, Heitor Liberato Júnior; o engenheiro agrônomo Alan Sabóia; o titular da Secretaria Executiva Adjunta de Política Agrícola, Pecuária e Florestal do Amazonas (Seapaf) da Sepror, Airton Schneider; o coordenador geral operacional do Garantia Safra, José Carlos Mercês Júnior; e técnicos do Mapa.

O Governo Federal incluiu o Amazonas no programa Garantia Safra no último mês de junho, visando a safra 2021/2022. A iniciativa proposta pelo governador Wilson Lima beneficiará produtores rurais na Bacia do Juruá e no Alto Solimões. O processo de recebimento dos documentos de adesão dos municípios, a começar pela Bacia do Juruá, estará concluído até setembro.

Em seguida, haverá o cadastramento dos produtores, que anualmente estão sujeitos à perdas durante as enchentes e se encontram em regiões que apresentam Índice de Desenvolvimento Humano (IDH) baixo ou muito baixo.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui