David Reis: Arrumação nos escritórios da CMM vai custar R$ 700 mil

David Reis faz mais uma retirada dos cofres para serviços desnecessários – foto: recorte/CMM

Mesmo sendo “faltoso e ineficiente” e quando vai é só para abrir o expediente da Câmara Municipal de Manaus (CMM), o presidente da Casa, David Reis (Avante), resolveu abrir o cofre e retirar R$ 775,6 mil dos cofres do parlamento.

A intenção de David Reis é a de dar uma “ajeitada” nos escritórios da CMM. O mesmo serviço foi feito pelos presidentes anteriores Joelson Silva e Wilker Barreto, não faz dois anos e meio.  O montante vai custear a “arrumação” de escritórios que não estão em uso por causa da pandemia, há pelo menos 1 ano e 8 meses.

Gasto desnecessário

Além de serem comprados utensílios e equipamentos, o valor retirado servirá também para pagar a instalação dos mesmos, a manutenção e conservação dos produtos. A quantia será paga para a empresa SUP – Serviços de Construções e Manutenção Eireli.

A mesma empresa já consta na carteira de clientes do parlamento desde abril do ano passado. Os serviços terão a validade de um ano, conforme documento já publicado e assinado por David Reis.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui