Espaços culturais recebem serviço de sanitização

Foto: Arthur Castro / Secom

Com o objetivo de zelar pela saúde e bem-estar de todos os frequentadores e colaboradores dos espaços culturais administrados pelo Governo do Amazonas, por meio da Secretaria de Estado de Cultura e Economia Criativa, foi iniciado o serviço de sanitização interna dos ambientes por prevenção à propagação do novo coronavírus, causador da Covid-19.

Foto: Arthur Castro / Secom

De acordo com a diretora do Teatro Amazonas, Sigrid Cetraro, a sanitização é uma das ferramentas para o enfrentamento da pandemia, além de ser uma forma de garantir que todos possam estar mais seguros durante a realização de suas atividades.

“Essa é uma preocupação muito importante do Governo do Estado, para que a gente enfrente essa pandemia da maneira correta, nos precavendo, nos preservando, atendendo aos protocolos de segurança sanitária que já estão sendo utilizados aqui no teatro, desde o início da pandemia”, destacou a diretora.

Foto: Arthur Castro / Secom

E acrescentou que o procedimento é importante demais, tanto para os funcionários, servidores, como para os visitantes, produtores e artistas que se fazem presentes no teatro, diariamente, assim como os corpos artísticos.

A diretora explicou, ainda, como se dá o processo de desinfecção para que todo o espaço passe por esse processo e traga mais segurança aos usuários. “A sanitização se dá no espaço interno do teatro, ou seja, aqui nós temos plateia, nós temos as frisas e camarotes, nós temos fosso, temos marcenaria, administração, então todos esses espaços vão ser cuidadosamente sanitizados”, ressaltou.

Foto: Arthur Castro / Secom

Além do Teatro Amazonas, recebem também os serviços de desinfecção os centros culturais Palácio Rio Negro, Palácio da Justiça e Povos da Amazônia (CCPA), o Palacete Provincial, a Casa das Artes e o Teatro da Instalação.

Protocolos de segurança – Para evitar o risco de contaminação, todos os protocolos de segurança são rigorosamente exigidos, entre eles a apresentação da carteira de vacinação contra a Covid-19, o distanciamento social, a aferição da temperatura e o uso obrigatório de máscara. Além disso, há estações de álcool em gel nos espaços.

Foto: Arthur Castro / Secom

Visitação – Diante do novo cenário da pandemia, os horários de visitação dos espaços culturais foram alterados temporariamente. A medida serviu ainda para auxiliar no processo de sanitização, que é feito após o término das atividades envolvendo o público.

“Nós reduzimos o horário de atendimento à visitação. Estamos fazendo agora de terça a sábado, no horário das 9h às 15h e reduzimos também os grupos, para que as pessoas se sintam mais confortáveis e mais seguras”, informou a diretora do Teatro Amazonas.

Mais informações sobre visitas e agendamentos podem ser adquiridas pelo Portal da Cultura (cultura.am.gov.br).

Confira os novos dias e horários para visitas turísticas:

Teatro Amazonas
Localização: Largo de São Sebastião, Centro de Manaus
Dias e horários de visitação: terça a sábado, das 9h às 15h

Palácio Rio Negro
Localização: Avenida Sete de Setembro, 1.546, Centro
Dias e horários de visitação: quarta a sábado, das 9h às 15h

Palácio da Justiça
Localização: Avenida Eduardo Ribeiro, 901, Centro
Dias e horários de visitação: quarta a sábado, das 9h às 15h

Palacete Provincial
Localização: Praça Heliodoro Balbi, Centro
Dias e horários de visitação: quarta a sábado, das 9h às 15h

Centro Cultural dos Povos da Amazônia
Localização: Avenida Silves, 1.222, Distrito Industrial
Dias e horários de visitação: quinta a domingo, das 9h às 14h

Casa das Artes
Localização: Largo de São Sebastião, Centro
Dias e horários de visitação: quarta a domingo, das 16h às 19h

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui