Especialista dá dicas para evitar alergias na pele dos bebês

Foto: Reprodução

Até os dois anos de idade, a pele infantil é cerca de 30% mais fina que as pele dos adultos. Por isso, a pediatra Gabriela Marques explica que a pele dos bebês está mais sujeita a penetração de substâncias irritantes, que podem ocasionar alergias e infecções. “Os ingredientes naturais têm menor risco de conter substâncias irritativas sendo mais indicados para a pele sensível do bebê. É recomendado dar preferência para esses produtos tanto na lavagem das roupinhas, como na limpeza geral da casa e até na higiene das crianças pequenas”, explica.

Na hora da lavagem das roupas, especialmente dos recém-nascidos, a médica indica que o ideal é que os produtos sejam livres de corantes, fragrâncias artificiais e substâncias irritativas como álcool, compostos fenólicos e LSS (lauril sulfato de sódio). Gabriela também aconselha que seja feito um duplo enxágue durante a lavagem para evitar qualquer resíduo químico nas peças.

Já sobre a limpeza do chão e superfícies, principalmente quando os bebês começam a engatinhar e explorar os ambientes, é preciso se atentar à limpeza. “Como os bebês colocam as mãozinhas em contato direto com as superfícies e depois levam à boca é preciso cuidado redobrado. A melhor opção é evitar os produtos com fenóis, comum em desinfetantes, já que esses podem ser tóxicos”.

Marcella Zambardino, co-CEO da Positiv.a, empresa B que cria soluções para cuidar da casa, do corpo e da natureza, destaca que, além de evitar alergias nas crianças e nos adultos, os produtos de limpeza com bases de ingredientes vegetais não poluem o meio ambiente. “A nossa natureza está cheia de poderosos ativos que limpam a casa e deixam a família em segurança. A casca da laranja, por exemplo, contém potentes ativos para limpeza – os terpenos, que também têm um cheirinho delicioso e natural, ainda neutralizam odores – perfeito para quem tem criança em casa. Procurar por produtos com essa base é uma boa alternativa”, explica Marcella, que também é especialista no desenvolvimento de produtos sustentáveis.

Limpeza e hidratação do bebê

Quando o assunto é a limpeza da pele do bebê ou hidratação do corpo, a pediatra Gabriela Marques indica que os cuidados também devem seguir os mesmo princípios da limpeza da casa, ou seja, os produtos naturais são a melhor opção.

“Os hidratantes para a pele do bebê devem, idealmente, ser sem corante, sem cheiro e com bons conservantes. Devem ser evitados produtos que contenham LSS (Lauril sulfato de sódio), álcool, parabenos e ureia”, orienta.

Outra boa opção são os produtos naturais à base de coco. “Eu gosto de pensar que devemos priorizar sempre produtos para passar na pele do bebê que também podemos comer, afinal o que aplicamos diretamente na nossa pele também será recebido pelo nosso corpo. Eles merecem todo o nosso cuidado com amor e natureza”, complementa Marcella.

Para facilitar as massagens e até o momento de troca de fraldas, a pediatra incentiva o uso de óleos essenciais. “Eu gosto bastante de uma solução de limpeza natural que além de retirar os resíduos, ajuda na cicatrização da pele e controle de infecção local, prevenindo assaduras.

Solução natural para ajudar na limpeza na hora da troca de fralda

Para essa receita você vai precisar de:

• 1 xícara e meia de água filtrada e aquecida;

• 1 gotas de óleo essencial de lavanda;

• 1 gotas de óleo essencial de melaleuca;

• 2 colheres de sopa de óleo de coco.

Modo de preparo:

Misture todos os ingredientes e coloque em um frasco. Na hora da troca da fralda, você pode umedecer o algodão com essa solução e realizar a limpeza. Uma outra dica é destacar toalhas de papel de alta absorção e molhar com essa mistura. Depois você deve retirar o excesso e guardar em um potinho para usar como lenço umedecido natural.

A pediatra reforça que cada caso é único e que sempre é importante consultar o seu pediatra ou aromaterapeuta.

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui