Geddel desembarca em Brasília após ser preso em Salvador

Foto: Divulgação

O ex-ministro Geddel Vieira Lima (PMDB) chegou por volta das 16h em Brasília. Geddel embarcou por volta das 13h desta sexta-feira, 8, no aeroporto de Salvador com destino a capital federal, onde ele ficará preso preventivamente. O peemedebista chegou seguiu para Brasília horas após ser preso em casa, no bairro do Jardim Apipema, em Salvador. Na residência, ele cumpria prisão domiciliar.

Em Brasília, ele será levado para a sede da PF e depois deve ser encaminhado para o Complexo Penitenciário da Papuda, onde esteve preso em julho.

A PF solicitou a prisão preventiva de Geddel após achar R$ 51 milhões em um apartamento vinculado a ele, no bairro da Graça. Peritos acharam digitais do político baiano nas cédulas. [Leia a íntegra do pedido de prisão preventiva].

Foto: Divulgação

Também foram encontradas digitais do coordenador-geral da Defesa Civil de Salvador (Codesal), Gustavo Ferraz, que também foi detido na quarta fase da Operação Cui Bono, que investiga fraude na Caixa Econômica
Federal na época em que Geddel era vice-presidente de Pessoa Jurídica entre 2011 e 2013. Ferraz foi exonerado ainda nesta manhã pela Prefeitura de Salvador e também levado para Brasília.

Policiais federais chegaram no apartamento de Geddel no início da manhã, por volta das 5h40. Logo em seguida, ele saiu em uma viatura da PF e foi levado para o aeroporto para ser encaminhado para Brasília.

Alguns agentes continuaram no edifício, fazendo buscas na casa do político e da mãe dele, Marluce Quadros Vieira Lima, já que há suspeitas que o ex-ministro possa ter guardado documentos na casa dela. Não há informações se os agentes acharam alguma prova nos imóveis.

Fonte: A Tarde

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui