Governador Wilson Lima anuncia implantação do Hospital da UEA

Foto: Diego Peres / Secom

O governador do Amazonas, Wilson Lima, anunciou, na manhã desta segunda-feira (18/02), uma parceria entre o Governo do Estado e a Universidade de São Paulo (USP) para a implantação do Hospital da Universidade do Estado do Amazonas (UEA). O anúncio foi feito durante a solenidade de abertura do ano letivo da UEA, realizada no auditório da Escola Superior de Ciências da Saúde (ESA), zona sul de Manaus, com transmissão para os alunos do interior do estado. Também estiveram presentes o vice-governador e secretário de saúde, defensor Carlos Almeida, o secretário de educação, Luiz Castro, e o reitor da UEA, Cleinaldo Costa.

“Nós vamos implantar o Hospital Universitário da Universidade do Estado do Amazonas. Essa semana estamos montando o grupo de trabalho e daqui a um mês vamos assinar um Termo de Cooperação com a USP. A parceria que está sendo feita entre UEA e USP, com o acompanhamento da Susam, é um grande passo que a gente dá, não só para ajudar nossos acadêmicos, mas principalmente para ajudar a população”, enfatizou o governador.

A nova unidade será um reforço para áreas que apresentam déficit no atendimento. “Nessa unidade que vamos implantar, o Estado do Amazonas vai atender mais de 17 especialidades, incluindo urologia e ortopedia, que são os grandes gargalos do atendimento na área de saúde”, destacou Wilson Lima.

Educação e desenvolvimento – O governador visitou, ainda, o Centro de Pesquisa e Desenvolvimento UNA-SUS Amazônia, instalado na Escola Superior de Ciências da Saúde (ESA). O UNA-SUS Amazônia é um espaço de produção científica para desenvolvimento de tecnologias para a Educação à Distância em Saúde, que facilitem e/ou resolvam os problemas enfrentados por regiões remotas, vulneráveis e de difícil acesso à internet.

“Nenhuma grande sociedade se desenvolve plenamente sem que ela tenha os pés fincados na educação. A educação é a base mais segura para o desenvolvimento. A UEA tem um papel fundamental nesse processo, sobretudo no novo momento pelo qual passa o Amazonas. Temos a responsabilidade de fazer com que as pessoas voltem a acreditar nas instituições, no governo e na universidade, que tem um potencial muito grande para crescimento.

Foto: Diego Peres / Secom

Educação integrada – Para o reitor da UEA, Cleinaldo Costa, o início das tratativas para a implantação do hospital representa um renascimento para a saúde e para a educação do Amazonas. “Vai requalificar a saúde no aparelho formador, desenvolvendo um modelo para o Sistema Único de Saúde integrando as três fases: atenção primária, secundária e terciária – papel do hospital universitário. Isso vai reduzir muito o encaminhamento de pacientes para fora do estado, qualificando e redesenhando esse modelo de atenção que nós temos no estado”, pontuou Costa.

O planejamento do sistema de educação do estado inclui ações intersetoriais envolvendo UEA e Seduc, a partir de 2019. “Pretendemos executar um trabalho para ocupar o tempo ocioso dos alunos, selecionando estagiários da UEA para serem monitores de projetos e ações psicossociais e socioculturais no contraturno dos alunos da rede estadual, supervisionado por profissionais. O objetivo é reduzir o índice de abandono escolar, principalmente no Ensino Médio. Vamos trabalhar isso junto com a UEA”, informou o secretário de educação, Luiz Castro.

Novidades – A UEA inicia as atividades acadêmicas deste ano com 5.337 novos alunos, que passarão a estudar na instituição nas unidades da capital e do interior. Durante o evento foram anunciadas novidades para os acadêmicos, como a TV UEA, que será produzida nas dependências da universidade e vai ao ar pela internet; além de mudanças no portal, que passa a contar com versões adaptadas para dispositivos móveis.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui