Governo vê cenário positivo para feiras de produtos regionais em 2022

Foto: Arthur Castro/Secom

As feiras de produtos regionais da Agência de Desenvolvimento do Amazonas (ADS), do Governo do Amazonas, ingressaram 2022 vislumbrando um cenário positivo, tanto na capital, quanto no interior. Após encerrarem o ano de 2021 com êxito, mesmo ainda diante de um cenário de pandemia, os produtores rurais que atuam nas feiras estão confiantes que este ano será ainda melhor para produção e comercialização de seus produtos nas feiras.

A ADS ressalta que, para este ano, estão previstas novas unidades além de mais investimentos. Na capital, após duas semanas de pausa para as celebrações de Natal e Ano Novo, as feiras da ADS retomaram suas atividades na primeira semana de janeiro.

Foto: Arthur Castro/Secom

O feirante Raimundo Nonato, que trabalha na feira do Manaus Plaza Shopping há três anos, falou sobre sua expectativa para o ano de 2022 nas feiras. “A gente espera uma melhora. No ano passado a pandemia foi difícil; agora, mesmo ainda não tendo acabado, parece que está melhorando, e a gente espera uma clientela maior que no ano passado”.

A diretora-presidente da ADS, Michelle Bessa, destacou o trabalho dos feirantes nos espaços e ressaltou que para 2022, os locais receberão novos investimentos e melhorias.

“Além disso, a previsão é que novas feiras sejam inauguradas em Manaus e no interior, pois, sabemos o quanto elas são importantes para os produtores darem destino a suas produções, gerando emprego e renda”, ressaltou.

Em todas as edições das Feiras da ADS são disponibilizados álcool em gel, além da obrigatoriedade do uso de máscaras, tanto para os consumidores quanto para os trabalhadores.

“Eu espero não só por mim, mas para todos que trabalham aqui na feira, que seja um ano muito melhor do que o ano que passou. Eu espero que Deus afaste para bem longe essa pandemia para a gente poder vencer. E nós vamos vencer”, disse a feirante Diana Costa, uma das primeiras produtoras das Feiras da ADS e que está no Plaza desde a primeira edição no shopping.

Balanço – Em Manaus, durante o ano de 2021, as feiras que estiveram fechadas durante o período crítico da pandemia retomaram suas atividades em fevereiro, readequadas para atender as normas de segurança e higiene estabelecidas pelo Ministério da Saúde para prevenção e combate à Covid-19.

Com a retomada, ao longo do ano, as feiras que ocorrem na capital comercializaram mais de 5,4 mil toneladas de alimentos e receberam uma média de 700 mil visitantes. Juntas, as feiras movimentaram um recurso superior a R$ 14 milhões. As dez feiras que ocorrem na capital reuniram um total de 515 produtores rurais, uma média de 51 feirantes por edição.

No interior as feiras que estiveram em atividade durante todo o ano, comercializaram 1,2 mil toneladas de produtos e movimentaram R$ 6,4 milhões.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui