Hospital de Tefé deverá instalar respiradores mecânicos

A rede pública de saúde de Tefé (a 525 quilômetros de Manaus) deverá ter respiradores mecânicos e outros equipamentos hospitalares para suprir a necessidade. A prefeitura também deverá providenciar a criação de novos leitos de UTI com tanques de oxigênio, de modo a atender o aumento da demanda pelo serviço público de saúde ocasionado pela pandemia, informando sobre a velocidade em que os casos se alastram no interior do Amazonas.

O pedido formulado pelo Ministério Público do Amazonas (MPAM) e Defensoria Pública Estadual (DPE-AM), no município de Tefé, na forma de uma Ação Civil Pública, teve sua decisão liminar positiva com a Justiça estadual. O prazo para cumprimento da ordem é de 72 horas sob pena de multa de R$ 150 mil ao dia.

Ao delimitar o prazo de 72 horas para o cumprimento da decisão, a Justiça indicou que os equipamentos a serem adquiridos sejam compatíveis proporcionalmente à população dos municípios que constituem o Polo Médio Solimões com a quantidade presente na capital do Estado.

A rede hospitalar de Tefé com quase 100% de sua ocupação preenchida. De acordo com dados da Fundação de Vigilância em Saúde do Amazonas (FVS-AM), o Estado já tem 15.816 casos confirmados de covid-19. Desse total, 552 estão em Tefé, sendo 25 óbitos.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui