Indígena testa positivo para o coronavírus, no AM

Foto: Reprodução

Uma indígena de 20 anos, da etnia Kocama, testou positivo para o coronavírus. Ela atua como Agente Indígena de Saúde (AIS), no Distrito Sanitário Especial Indígena Alto Rio Solimões, em Santo Antônio do Içá (a 888 quilômetros de Manaus).

A profissional é uma das pessoas que tiveram contato com o médico que havia sido diagnosticado com a doença após retornar de férias. Desde o dia 25 de março, o médico e todas as pessoas contactadas por ele, incluindo-se 12 pacientes indígenas e 15 integrantes da equipe de saúde estão em isolamento e sendo assistidos pela Equipe Multidisciplinar de Saúde Indígena do DSEI Alto Solimões. Dos 27 testes feitos, apenas a AIS testou positivo para o COVID19.

Até o momento, ela está assintomática. Seus familiares também se encontram assistidos e em isolamento. As ações de vigilância das Síndromes Gripais e de Síndromes Respiratórias Agudas Graves na região também já foram intensificadas. As pessoas que tiveram contato com a indígena já estão sob atenção e os sete testes aplicados estão sendo enviados ao Laboratório Central em Manaus por avião.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui