Instituições de ensino estão com aulas remotas

Foto: Divulgação

Desde a última semana, as instituições de ensino particulares suspenderam as aulas presenciais dos alunos da educação infantil até o ensino superior. A medida segue a recomendação do Sindicato dos Estabelecimentos de Ensino Privado do Estado do Amazonas (Sinepe-AM) e, posteriormente, às medidas governamentais para prevenção ao Covid-19, doença causada pelo novo Coronavírus (Sars-Cov-2).

Para cumprir o calendário, as escolas adotaram ferramenta que oferece suporte remoto pela internet, por meio de ambientes virtuais de aprendizagem. As plataformas Google Education, Escolaweb e UNOi são as ferramentas usadas para enviar comunicados, roteiros, receber feedback dos pais, disponibilizar conteúdo e até funcionar como uma sala de aula virtual, com um professor disponível para ajudar com as atividades.

A presidente do Sinepe-AM tranquiliza os pais com relação ao cumprimento do calendário escolar. “As escolas associadas irão cumprir o calendário, com aulas e atividades à distância”, destacou Elaine Saldanha. O calendário escolar, disse ela, segue normalmente, sem interrupção durante a quarentena, assim como o pagamento das mensalidades.

A entidade, ao adotar as ferramentas, segundo ela, buscou o apoio e orientação dos órgãos governamentais. “As metodologias que vêm sendo adotadas são respaldadas tecnicamente. Não há com o que se preocupar”, disse ela.Instituições de ensino estão com aulas remotas
Desde a última semana, as instituições de ensino particulares suspenderam as aulas presenciais dos alunos da educação infantil até o ensino superior. A medida segue a recomendação do Sindicato dos Estabelecimentos de Ensino Privado do Estado do Amazonas (Sinepe-AM) e, posteriormente, às medidas governamentais para prevenção ao Covid-19, doença causada pelo novo Coronavírus (Sars-Cov-2).

Para cumprir o calendário, as escolas adotaram ferramenta que oferece suporte remoto pela internet, por meio de ambientes virtuais de aprendizagem. As plataformas Google Education, Escolaweb e UNOi são as ferramentas usadas para enviar comunicados, roteiros, receber feedback dos pais, disponibilizar conteúdo e até funcionar como uma sala de aula virtual, com um professor disponível para ajudar com as atividades.

A presidente do Sinepe-AM tranquiliza os pais com relação ao cumprimento do calendário escolar. “As escolas associadas irão cumprir o calendário, com aulas e atividades à distância”, destacou Elaine Saldanha. O calendário escolar, disse ela, segue normalmente, sem interrupção durante a quarentena, assim como o pagamento das mensalidades.

A entidade, ao adotar as ferramentas, segundo ela, buscou o apoio e orientação dos órgãos governamentais. “As metodologias que vêm sendo adotadas são respaldadas tecnicamente. Não há com o que se preocupar”, disse ela.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui