Internas iniciam curso de Confecção de Máscaras de Tecido

Foto: Divulgação/Seap

Quinze internas do Centro de Detenção Provisório Feminino (CDPF) iniciaram, na semana passada, o curso de Confecção de Máscaras de Tecido, visando contribuir com o combate ao novo coronavírus. O curso está inserido no projeto ‘Núcleo de Costura’ do programa de ressocialização da Secretaria de Estado de Administração Penitenciária (Seap) intitulado “Trabalhando a Liberdade”.

A capacitação está sendo oferecida por meio de uma parceria entre a Seap, a cogestora Umanizzare Gestão Prisional e o Fundo de População da Organização das Nações Unidas (UNFPA/ONU), que doou maquinário e insumos para a confecção das máscaras.

A carga horária total do curso é de 120 horas, com seis horas diárias de aula, entre teoria e prática, ministradas pela instrutora Eliete Bindá. No conteúdo das aulas, estão noções de empreendedorismo, relações interpessoais, higiene pessoal, ambiental e industrial. O grupo receberá instruções sobre confecção de máscaras em tecido, identificação dos principais materiais e equipamentos utilizados na produção, segurança no trabalho, manuseio de máquinas e preparação das modelagens.

Segundo a diretora da unidade, tenente Maria do Socorro, as reeducandas veem no aprendizado uma forma de ajudar a sociedade. “O mais interessante é que cada uma delas se compromete com as aulas e o trabalho, querendo dar sua pequena contribuição e ajudando a sociedade a sair da pandemia da Covid-19. E as internas que trabalham se sentem, também, mais valorizadas”.

Capacitação – Desde o início do programa “Trabalhando a Liberdade”, no ano passado, a Seap vem proporcionando diversos cursos voltados para o empreendedorismo nas unidades prisionais femininas, objetivando a liberdade financeira dessas mulheres que por lá passam.

No CDPF, já foram oferecidos os cursos de Depilação e Design de Sobrancelhas, Crochê, Manicure e Pedicure, Trançado em Fita, Corte e Escova de Cabelo, Maquiagem, Tranças e Penteados, Confecção de Arranjos Natalinos e Ovos de Páscoa. Até o final do ano, ainda estão previstos novos cursos para a unidade.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui