Maior navio da Marinha iraniana naufraga no Golfo de Omã

Foto: Reprodução/West Asia News Agency via Reuters

Autoridades informaram hoje que o maior navio da Marinha do Irã, chamado Kharg, foi atingido por um incêndio e naufragou no Golfo de Omã.

Além das agências de notícias Tasnim e Fars, a informação também foi confirmada pela Marinha. A tripulação foi retirada antes que o navio-tanque afundasse.

O incêndio teria começado na madrugada de hoje (horário local) e, segundo o exército, mesmo após 20 horas de operações de resgate da embarcação, ela afundou perto do porto iraniano de Jask, ao sul do país, próximo ao Estreito de Ormuz — via marítima estratégica de circulação de petróleo. O porto fica a cerca de 1.270 quilômetros da capital iraniana, Teerã.

Foto: Reprodução/West Asia News Agency via Reuters

Um oficial disse à Tasnim que ao menos 20 pessoas que estavam no navio sofreram queimaduras leves.

Imagens divulgadas pela mídia local mostram marinheiros com coletes salva-vidas deixando a embarcação em chamas. O Kharg foi batizado em homenagem a uma ilha próxima, que é um relevante terminal de petróleo no país.

Segundo a rede de televisão Al Jazeera, ainda não se sabe as circunstâncias que provocaram o incêndio no navio, no entanto, um oficial declarou à mídia local que o fogo teria começado em uma sala de máquinas, provocando o derretimento de partes da embarcação, que caíram no mar. Já um texto da Marinha declara que o fogo teve início em “um dos sistemas” da embarcação, sem fornecer mais detalhes.

O oficial do exército declarou que a maioria dos equipamentos do navio foi revisada por engenheiros iranianos nos últimos anos.

Foto: Reprodução/ Agência Anadolu via Getty Images

O navio

De acordo com a Al Jazeera, o navio Kharg foi construído no Reino Unido e lançado antes da Revolução de 1979 no Irã. A embarcação de 207 metros foi comprada e entrou oficialmente para a marinha iraniana em 1984 depois de muitos anos de negociação.

O Kharg tinha capacidade de fornecer ajuda e reabastecimento para outros navios no mar, conseguia levantar cargas pesadas e possuía plataforma para o pouso de helicópteros.

No mês de abril, o Irã declarou que uma de suas embarcações, a Saviz, foi alvejada no Mar Vermelho e teve danos materiais. O caso aconteceu depois que Israel e o Irã trocaram acusações sobre diversos supostos ataques contra navios de carga desde o fim de fevereiro.

O naufrágio do Kharg é o maior incidente naval nos últimos anos no Irã. Em 2020, um míssil foi disparado, por engano, em um exercício de treinamento militar no mar e deixou 19 marinheiros mortos e 15 feridos.

Uma embarcação do tipo contratorpedeiro da marinha iraniana também afundou no Mar Cáspio, em 2018.

UOL

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui