Mais de 76 procedimentos tiveram filas zeradas em menos de um mês

Mais de 76 procedimentos tiveram filas zeradas em menos de um mês/Foto: Divulgação

A cinco dias de completar um mês do seu lançamento, o Programa Fila Zero registrou redução de 33% nas filas de espera para marcação de consultas e exames na rede pública estadual. A meta é zerar definitivamente as filas no prazo de 90 dias.

No dia 17 de maio, quando o programa Fila Zero foi lançado pelo governador David Almeida, eram pouco mais de 137 mil pessoas aguardando na fila do sistema. Nessa terça-feira 13, eram 92.263, ou seja, 44,7 mil pessoas a menos.

Até o momento, pelo menos 76 tipos de procedimentos tiveram a fila zerada. Atualmente, o paciente já dá entrada ao pedido, por meio do Sistema de Regulação (Sisreg), e no mesmo dia já sai da unidade em que foi atendido com o exame ou procedimento marcados. Antes o tempo de espera era de meses.

Outros 13 procedimentos reduziram a fila em 50% ou mais. Caso de exames de ecocardiograma, que saiu de 10.111 pessoas para 3.670. A consulta com oftalmologista também reduziu significativamente, de 14.288 pessoas na fila de espera para 9.762. Algumas pessoas chegavam a aguardar de seis a um ano por uma consulta ou procedimento.

Mais de 76 procedimentos tiveram filas zeradas em menos de um mês/Foto: Divulgação

Todos os exames e consultas oferecidos pelo Sistema Único de Saúde (SUS) nas especialidades médicas são marcados via Sisreg, obedecendo às cotas e tetos destinados a cada unidade de saúde.

O resultado inédito está sendo alcançado através de contratação de mais profissionais de saúde, mutirões de trabalho, compra de novos equipamentos e a reestruturação da rede estadual de saúde, com aumento na oferta de procedimentos.

 

 

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui