Montink oferece oportunidade de influenciadores transformarem audiência em clientes

Foto: Tim Douglas/Pexels

A opinião de um influenciador digital tem peso na hora de escolhermos o que vestir, comer ou até do que gostamos; Para aqueles que desejam ter voz com sua audiência e vender produtos personalizados sem perder dinheiro para as redes sociais, a Montink, maior plataforma de e-commerce print on demand do Brasil, é a melhor solução

Nos últimos anos, os influenciadores digitais têm ganhado um grande espaço na vida dos brasileiros, influenciando os gostos dos seus seguidores para itens diversificados. Para se ter ideia do tamanho da influência dos criadores de conteúdo, de acordo com um levantamento do Ibope Inteligência, 140 milhões de brasileiros estão nas redes sociais. Dessas pessoas, 52% segue algum influenciador nas redes. Quando se fala de influência de gostos, a mesma pesquisa aponta que 50% das pessoas que seguem algum influenciador costumam comprar produtos indicados por eles. O crescimento dos criadores de conteúdo se deu principalmente pelo sucesso do Instagram que, segundo uma pesquisa da Opinion Box, tem o Brasil como o segundo país com o maior número de usuários na rede social.

Mas é fato que a renda desses influenciadores não se dá somente por essas redes sociais, já que eles costumam ganhar apenas uma porcentagem em cima do que publicam e divulgam. Neste cenário, a Montink, maior plataforma de e-commerce print on demand do Brasil, apareceu para oferecer uma solução para os influenciadores que desejam vender seus próprios produtos. “Nós somos uma ferramenta para os influenciadores criarem sua marca de produtos personalizados, de uma forma simples, em menos de 10 minutos, sem precisar investir em estoque, produção e logística, que costuma ser uma grande preocupação na hora de criar algo do tipo”, explica o sócio-fundador, Ramiro Neto.

Uma plataforma como essa pode ser a melhor forma dos influenciadores venderem seus produtos da forma que desejam, tendo o maior lucro possível sobre a venda e se aproximando ainda mais dos seus seguidores. “Os criadores de conteúdo já possuem seguidores, por isso eles têm uma audiência que engaja com seu conteúdo. Essa audiência geralmente se torna uma comunidade, uma espécie de “tribo” que literalmente “vestem” a camisa nas causas, ideias e mensagens dos influenciadores. Com a marca e a loja criada, os influenciadores atendem a demanda da sua tribo por produtos e o melhor, conseguem “monetizar” essa audiência, possibilitando assim viver da sua paixão”, complementa.

A Montink e os influenciadores

Um dos influenciadores que já vem trabalhando com a plataforma da Montink, é Joel Paviotti, dono da página Iconografia da História, que faz uma produção de conteúdo ligado à história e ciências humanas. “Nós já tínhamos muitos seguidores quando resolvemos arrumar formas de nos financiarmos, de ganhar um dinheiro. O meu sócio conheceu a Montink através do YouTube e nós criamos nossa loja. O legal é que nós criamos as artes e eles ficam responsáveis pela produção das camisetas, entrega, cobrança e nós ficamos com o lucro das vendas. Isso transformou nosso negócio. Eu recomendo para todo mundo porque além de lucramos, tivemos a oportunidade de levar nossa marca para o corpo de muitos brasileiros”, relata.

Mais de 150 mil pessoas já abriram uma loja por meio da Montink, que prevê fechar o ano com R$10 milhões transacionados através da plataforma. Além disso, a expectativa é dobrar este número em 2022, chegando acima de R$20 milhões. “A verdade é que se a Montink não existisse, um influenciador teria que investir no mínimo R$100.000,00 em maquinários, estoque, produção, logística e equipe. Além disso, ainda teria um risco enorme de perder o estoque, pois não se sabe se as estampas seriam vendidas. A plataforma permite que os influenciadores criem os produtos que sempre sonharam em vender para as pessoas que os acompanham, tudo de uma forma mais fácil e rápida, e também permite que o lucro seja totalmente deles”, entende Ramiro.

A banda Testemunha, de Rock Cristão, tem a loja de produtos oficiais da banda através da plataforma da Montink. “A loja é um suporte para os materiais de marchandising da banda. Quando começamos a pensar em PrintOnDemand, a Montink apareceu como uma solução bem legal, justamente por ser muito simples e de custo acessível. Então, mesmo sem uma dedicação muito intensa para o negócio da loja, nós conseguimos cobrir todos os custos e disponibilizar o nosso material e muitas versões, que era a proposta da banda. Por conta dessas divulgações de material da banda, o nosso alcance nas redes sociais cresceu cerca de 900%. É uma plataforma simples de usar, dá um bom retorno e ele depende principalmente do seu esforço e da sua dedicação em desenvolver os produtos e desenvolver as campanhas de marketing”, diz o dono da loja, Marcelo Carboni.

Já para Ronni, da loja Flutuante, a loja veio como uma oportunidade além do podcast Relatos Flutuantes. “O meu podcast é um programa em que eu publico semanalmente experiências ufológicas narradas pelas pessoas. Encontrei na ufologia um lugar onde o público é apaixonado pelo tema, então nos últimos meses, decidi elevar o patamar do podcast. Eu desejava isso, mas sem correr nenhum tipo de risco e foi aí que a Montink surgiu. A plataforma me da a oportunidade de juntar as minhas paixões, os meus hobbies e fazer com que essa paixão das pessoas que me escutam, passem do ouvido para o peito delas”, conta.

Na Montink, o influenciador tem um estoque ilimitado, produção, logística, suporte ao cliente – tudo isso por uma assinatura à partir de R$83 por mês. “Se ele vender apenas três camisetas por mês, ele tem um e-commerce completo da sua marca sem riscos e preocupações. A maior vantagem e diferencial é que, no PrintOnDemand, o estoque é virtual, os produtos só são produzidos depois que o pedido é pago e quem paga o custo da produção deste produto é o cliente. Ou seja, assim que ele efetiva o pagamento, o sistema já envia o valor da produção e frete para o fornecedor e o lucro para a conta bancária do influenciador”, conclui Ramiro Neto.

A Montink na Black Friday

Em comemoração ao mês da Black Friday e dos 7 anos da Montink, a plataforma está oferecendo o curso gratuito “Monetizando a Audiência”, que tem duração de três dias e têm como público-alvo os influenciadores digitais que querem mudar sua vida através do PrintOnDemand. “Este será um evento 100% gratuito e online, em que vou mostrar a melhor forma de transformar a audiência em renda mensal. Nós vamos falar sobre como criar uma marca de produtos personalizados sem saber nada de desenho ou design, como montar a sua loja em menos de 10 minutos e a melhor forma de criar ofertas irresistíveis para vender para a sua audiência”, conclui Ramiro.

Além disso, quem se inscrever e participar do curso, terá acesso à uma oferta de um pacote exclusivo que terá mais de 80% de desconto para o influenciador ter a sua loja e mais uma série de benefícios. Para quem tem interesse, acesse: https://monetizandosuaaudiencia.com.br/

Sobre a Montink

A Montink é uma plataforma de Ecommerce PrintOnDemand. O sistema já está integrado com os fornecedores nacionais. Isso significa que todo o trabalho de criação de pedidos, geração de nota fiscal etc. já está pronto! Você só precisa se preocupar em criar as estampas, a Montink já resolve a parte chata que é, hospedagem e manutenção, conexão com fornecedores com produtos de qualidade, suporte ao cliente, produção e envio sob demanda..

A Startup possui tecnologia moderna e desenvolveu metodologia de produção pós-venda replicável para fornecedores para produzir mesmo que um único produto por estampa. Todo este processo é automatizado pelo software sem necessitar de interferência da equipe, garantindo um modelo de negócio repetível, escalável, de receita sustentável e de escala potencialmente ilimitada. A empresa já transacionou mais de 10 milhões de Reais através da plataforma. A Montink passou de 500 mil estampas na plataforma e mais de 150 mil pessoas abriram lojas no Brasil e em diversos países. Site: https://montink.com/

Mas a trajetória até aqui não foi fácil, a ideia foi lançada no Empretec do Sebrae em 2013. Em 2014 a apresentamos no Startup Weekend em que fomos premiados com o terceiro lugar de 150 ideias apresentadas, participamos em 2015 do Acelera Startup da FIESP e em 2017 do programa FIEMGLAB. Destas experiências o modelo de negócio foi sendo validado, evoluímos o MVP, pivotamos algumas vezes e chegamos na Montink de hojel. Atualmente a empresa é administrada por 4 sócios (Adriano Mourão, Andreas Piekarz, Bruno Brito e Ramiro Neto), com ampla experiência em Gestão de Produto, Marketing, Tecnologia e Finanças, e são apaixonados pelo que fazem, tendo sempre o cliente (lojista) no centro das decisões buscando oferecer sempre o máximo de lucratividade e robustez da plataforma.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui