Moradores da RDS do Juma foram capacitados em beneficiamento de pescado

Foto: Divulgação/Sema

Moradores da Reserva de Desenvolvimento Sustentável (RDS), do Juma, participaram dos cursos de guia de pesca esportiva e beneficiamento de pescado, promovidos pela Secretaria de Estado do Meio Ambiente (Sema), em parceria com a Secretaria de Estado da Produção Rural (Sepror), no período de quinta-feira a sábado (23 a 25/06).

Os cursos foram ministrados pela equipe da Secretaria Executiva Adjunta de Pesca e Aquicultura da Sepror, composta pelo engenheiro de pesca, Flávio Ruben, pela engenheira ambiental Gláucia Lima e pela técnica em recursos pesqueiros Nalva Francisca.

Os técnicos capacitaram 19 moradores em guias de pesca esportiva, na quinta e na sexta-feira (23 e 24/06) e 12 moradoras em retirada de espinhas de peixe, no sábado (25/06).

Foto: Divulgação/Sema

Guias de pesca

Os guias de pesca receberam conhecimentos relacionados à pesca esportiva, passando por temas como a definição da atividade, legislação, principais espécies capturadas na pesca esportiva, aspectos biológicos do tucunaré, utensílios e tipos de arremessos utilizados na pesca esportiva, segurança e posicionamento durante a navegação, além de boas práticas no manuseio do peixe capturado.

Segundo o engenheiro de pesca da Sepa, Flávio Ruben, a capacitação recebida pelos moradores os credencia como guias de pesca, profissionalizando-os, gerando dignidade e renda para a população local.

Foto: Divulgação/Sema

Beneficiamento de pescado

Na oficina de retirada de espinhas de peixe, as moradoras receberam orientações a respeito do manuseio e limpeza do pescado, posicionamento correto da faca para o corte dorsal e abertura da matrinxã de forma espalmada, além do corte em Y para retirada das espinhas.

Foto: Divulgação/Sema

A ideia é que as moradoras possam trazer melhoria na qualidade do pescado que será ofertado aos pescadores esportivos durante a hospedagem nas embarcações e pousadas locais, garantindo pratos regionais de boa qualidade, cativando o praticante para retorno a cada temporada.

A gestora da RDS, Khimberlly Sena, relata que esta é a primeira vez que estes moradores estão recebendo capacitação e certificação.

Foto: Divulgação/Sema

O Instituto de Desenvolvimento Agropecuário e Florestal Sustentável do Estado do Amazonas (Idam) também prestou suporte às ações por meio de apoio logístico para as equipes.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui