Municípios de Minas Gerais contabilizam prejuízos após temporais

Foto: Divulgação

Após as fortes chuvas dos últimos dias, municípios de diferentes regiões de Minas Gerais contabilizam prejuízos. Em Passa-Tempo, na região Centro-Oeste do Estado, um temporal destruiu parte de uma praça onde aconteceria a iluminação de Natal. Em função disso, a Defesa Civil da cidade precisou adiar o evento.

Em Januária, no Norte de Minas, os bombeiros precisaram interditar o trânsito em alguns pontos da cidade em função de pontos de alagamentos nessa quarta-feira (8). Além disso, diversas árvores com risco de queda também foram cortadas.

No Vale do Jequitinhonha, a chuva também provocou estragos. Em Machacalis, a chuva destruiu casas e obrigou os moradores a se abrigarem em escolas e igrejas da região. Em função disso, a prefeitura solicitou ajuda humanitária, com doações de alimentos e materiais de limpeza. Ajudas podem ser feitas pelo telefone (33) 98811-8672.

“Já tem três dias que está chovendo. Casas caíram e deixaram muitos desabrigados. Hoje está nublado, mas há previsão de mais chuva”, afirma o secretário municipal de agricultura e meio ambiente, Alexandre Amador.

Também na mesma região, em Fronteira dos Vales, a chuva deixou um rastro de destruição. O secretário de Infraestrutura do município, Clayton Marques Viana, disse que até o momento 14 pontes foram destruídas e 37 famílias estão desalojadas. “Nossa economia é basicamente produção de leite, e todos os produtores estão sem como escoar o produto”, diz.

A Defesa Civil de Minas Gerais informou que houve transbordamentos de alguns córregos que cruzam a cidade e que a água invadiu residências na noite de terça (7). Disse ainda que a estação de água foi suspensa e que, por isso, o município encontra-se com a distribuição de água suspensa, mas que técnicos estão trabalhando para reverter os problemas.

O órgão disse ainda que o governo do estado está atento aos alertas meteorológicos e tem colocado à disposição todo o efetivo da Defesa Civil. Informou ainda que está em contato com as Coordenadorias Municipais de Proteção e Defesa Civil dos municípios do Vale do Jequitinhonha e “já deslocou equipes para prestar todo o apoio necessário neste momento, de forma presencial”.

Fonte: O TEMPO

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui