Na esperança de nova eleição em Airão – por Garcia Neto

Jornalista Garcia Neto

Pelo bem de Novo Airão – Vejo que a cada postagem sobre a possibilidade de nova eleição em cinco municípios amazonenses, os patrulhas do “prefeito Mandrake” Wilton Santos, repetem a mesma coisa: “de novo”, “a eleição já passou”.

Peço desculpas por discordar dos nobres defensores do prefeito “até o momento”.

Meu olhar político vê que esses resultados vividos pelos fichas sujas de cinco municípios amazonenses são o reflexo da prática de uma verdadeira democracia corporativista, que se aproveita de um sistema político podre que só favorece a um possível beneficiário dentro desse jogo.

Jornalista Garcia Neto

No caso de Novo Airão, Wilton foi beneficiado pela decisão de um juiz, que de uma só canetada, comprometeu o futuro de um município, deixando o povo cada vez mais estagnado de suas esperanças.

O inelegível Wilton Santos entrou na campanha eleitoral do ano passado apenas para bagunçar o processo eletivo, tanto que esse rapaz que diz estar no poder não tem um projeto pré-elaborado para dar início à tão sonhada mudança. Esse rapaz não tem uma agenda de trabalho, para dar início ao tão sonhado desenvolvimento sócioeconômico, que é o marco principal para a geração de emprego e renda a toda uma juventude que deseja pular fora das mãos sujas de políticos indesejáveis.

Portanto, o TREAM deve decidir, sim, pelo INDEFERIMENTO do pedido de Registro de Candidatura de Wilton Pereira dos Santos, em respeito aos cidadãos de uma cidade pequena que precisa se libertar das amarras de um político canalha, mentiroso, que tantos prejuízos causou ao longo de mais de 20 anos de permanente enganação, de um político que não percebe que já ultrapassou os seus próprios limites. Sou a favor de nova eleição em Novo Airão.

(O Escorpião)

*Garcia Neto é professor e jornalista

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui