“Nego da Galinha e Tay” são presos com drogas na Cidade de Deus

Foto: Divulgação

Manaus – Os policiais do 13º Distrito Integrado de Polícia (DIP), prenderam em flagrante, Elisandro Oliveira do Nascimento, 26, conhecido como “Nego da Galinha”, e a companheira dele, Thainara Ramos Galvão, 20, conhecida como “Thay”.

Com eles foram apreendidas drogas, uma balança de precisão e dinheiro proveniente da venda das drogas. As prisões ocorreram na rua Fluminense, bairro Cidade de Deus, zona norte da capital.

De acordo com a autoridade policial, além do flagrante, Elisandro foi preso em cumprimento a mandado de prisão preventiva, por roubo majorado, expedido no dia 16 deste mês, pelo juiz de Direito Alcides Carvalho Vieira, do Plantão Criminal.

Conforme o delegado, no dia 6 de maio deste ano, o infrator, juntamente com um comparsa, identificado como Gabriel, que está sendo procurado pela polícia, subtraíram uma motocicleta, modelo Bros 160, marca Honda, cor preta, avaliada em R$ 13 mil, pertencente a um homem de 49 anos. O crime ocorreu no bairro São José, zona leste da cidade. Na ocasião, Gabriel portava uma arma de fogo.

“Por meio de denúncias anônimas feitas ao número (92) 99292-1015, o disque-denúncia do 13º DIP, obtive a localização de Elisandro. Ao chegarmos no local, o infrator e o comparsa dele Gabriel perceberam nossa aproximação, momento em que eles abandonaram a moto e empreenderam fuga do lugar, se escondendo num matagal, naquela região. Então, apreendemos o veículo e devolvemos para o proprietário, no dia seguinte. Destaco que o flagrante de Elisandro e da companheira dele, também se deu por meio de denúncia anônima”, disse Cunha.

O delegado reforçou que, após delação, a equipe policial teve conhecimento do paradeiro de Elisandro, que estava em via pública, na rua Fluminense, no bairro Cidade de Deus, onde junto com a companheira dele, foi abordado e durante revista encontraram com eles uma porção média de maconha, duas pedras de oxi, 13 pinos de cocaína, uma balança de precisão, R$ 60 em espécie, proveniente da venda das drogas, e uma faca de cozinha. Todos os itens estavam dentro de um guarda lápis. Naquele momento, Cunha deu voz de prisão para o casal.

Elisandro e Thaianara foram autuados em flagrante por tráfico de drogas e associação para o tráfico de drogas, além de Elisandro ser indiciado por roubo majorado. Após os procedimentos cabíveis na delegacia, eles serão levados para audiência de custódia no Fórum Ministro Henoch da Silva Reis, no bairro São Francisco, zona sul da capital.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui