Amazonas Cidades

Número de condutores flagrados dirigindo bêbados sobe 150% durante o carnaval

Foto: Roberto Carlos / Secom
Redação I
Escrito por Redação I

O Departamento Estadual de Trânsito do Amazonas (Detran-AM) flagrou 230 condutores dirigindo sob o efeito de álcool durante a semana do Carnaval 2019. O quantitativo representa um crescimento de mais 150% em relação ao mesmo período do ano passado, quando 92 motoristas foram flagrados infringindo a Lei Seca. Ao todo, entre quinta-feira (28/2) e a madrugada de quarta-feira (6/3), 2.575 pessoas fizeram o teste do etilômetro, o popular bafômetro.

O diretor-presidente do Detran-AM, Rodrigo de Sá, ressalta que o aumento dos índices de alcoolemia também se devem ao crescimento expressivo das fiscalizações e também de exames realizados. “Não podemos atribuir esse aumento tão somente a população. Nós até acreditamos que a população tem se conscientizado mais e tem internalizado a importância e responsabilidade que ela tem também no que diz respeito à promoção de segurança no trânsito. As fiscalizações serão intensificadas aos finais de semana e durante grandes eventos”, ressaltou Sá.

Apenas um acidente com vítima fatal foi registrado durante o Carnaval 2019, o que representa uma queda de 87,5% em relação ao carnaval do ano passado, que registrou oito mortes no trânsito. Durante o período carnavalesco, 67 pessoas ficaram lesionadas após envolvimento em acidentes de trânsito. O número é 16,25% menor que o registrado no mesmo período de 2018, quando 80 pessoas sofreram sequelas no trânsito.

O secretário de Segurança Pública do Amazonas, coronel Louismar Bonates, parabenizou a população e todos os blocos que se organizaram e fizeram um carnaval de paz e alegria. “O Governo do Estado junto à população está comemorando a diminuição que nós tivermos. Tudo graças a um trabalho preventivo feito antes pela Central Integrada de Fiscalização, além do aumento de efetivo da Polícia Civil, Polícia Miliar, Detran-AM e Corpo de Bombeiros. Isso levou a uma diminuição expressiva de estupros, homicídios, furtos e roubos”, completou Bonates.

Foto: Roberto Carlos / Secom

A fiscalização do Detran-AM, em parceria com o Batalhão de Trânsito da Polícia Militar (BPTran) e o Instituto Municipal de Engenharia e Fiscalização de Trânsito (Manaustrans), foi realizada em todas as zonas da cidade, com reforço no entorno dos principais blocos e bandas, além da região do Sambódromo. O objetivo da ação, que reuniu mais de 70 agentes, era conscientizar e fiscalizar condutores infratores, garantindo um carnaval seguro para a população durante todo o período.

A ação, que faz parte da estratégia do Sistema de Segurança Pública determinada pelo governador Wilson Lima, foi coordenada pelo secretário de segurança pública do Amazonas, coronel Louismar Bonates, e implementada pelo diretor-presidente do Detran-AM, Rodrigo de Sá.

Infrações – Durante a fiscalização, foram emitidos 997 autos de infração contra condutores por diversas irregularidades. O quantitativo representa um aumento de 80,2% em relação ao carnaval 2018, quando foram emitidos 553 autos. Os agentes apreenderam 201 CNHs, além de 197 Certificados de Registro e Licenciamento de Veículo (CRLV). Ao todo, 220 veículos foram removidos, sendo 102 carros e 118 motos.

Ação educativa – A Gerência de Educação para o Trânsito do Detran-AM distribuiu cerca de cinco mil materiais informativos no Sambódromo e em bandas como o Bloco das Piranhas, Bloco do Caldeira e Galo de Manaus. O objetivo era orientar foliões para as consequências de dirigir sob o efeito de álcool, além de outras infrações no trânsito.

Disk-Pileque – Durante toda a semana do carnaval o Detran-AM disponibilizou o serviço “Disk-Pileque –‪ 99438-6107”, uma espécie de carona solidária que resgatou foliões condutores impossibilitados de dirigir. O serviço, realizado em parceria com a Associação dos Condutores de Ambulância do Estado do Amazonas (Amcaam), teve como objetivo reduzir os índices de acidentes provocados pela combinação do álcool com direção. Ao todo, 10 atendimentos foram realizados, sendo sete carros e três veículos de duas rodas.

A comerciante Aline Amorin, 36, foi abordada em uma blitz do Detran e disse que a fiscalização é importante para a promoção de um trânsito seguro. “Eu acho maravilhoso, até mesmo para que as pessoas tenham mais precaução, se cuidem mais. Acho muito bom”, acrescentou Aline.

Comentários

comentários

Deixe seu comentário