O Dia da felicidade – Por Raimundo Silva

Advogado Raimundo Silva (AM)

Eu ouvi em algum lugar, que hoje, dia 20 de março, é o dia da felicidade. Depois disso fiquei refletindo: mas a felicidade não é um bem imaterial do ponto de vista existencial e um substantivo abstrato na definição morfológica da palavra?
Não é algo que sempre protege a saúde física, mental, emocional,  psíquica e alivia as dores do coração nos sofrimentos de amor  não resolvidos? Ora, se a felicidade é esse valor existencial que deve estar presente em todos os espaços  físicos e sentimentais da nosso vida, não deve existir apenas um dia para a sua celebração, mas em todos os dias da nossa existência devemos adotá-la como companheira inseparável.

Advogado Raimundo Silva (AM)

Celebremos, portanto, a felicidade na perspectiva de que sem a sua companhia a nossa caminhada na vida terrena será sempre com sofrimentos do corpo e da alma. Alguns dizem que não existe felicidade por inteiro, mas apenas momentos felizes.Mas estes momentos têm a duração que a própria felicidade lhes confere. A felicidade é assunto de alta indagação filosófica, religiosa e antropológica, onde se cuidará do como sentí-la e em que  tempo e espaço existencial deve ser colocada.

A antropologia.como ciência que se ocupa do homem, aborda junto aos  grupos humanos a percepção cultural da idéia de felicidade. No dia da felicidade e em todos os dias da sua vida, amigos, sejam felizes com as bênçãos de Deus.(Raimundo Silva é Advogado e Professor)

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui