Pac Iranduba realiza 900 atendimentos em 1º dia de funcionamento

Sejusc realiza 900 atendimentos em 1º dia de funcionamento do PAC Iranduba/Divulgação/Sejusc

O Governo do Amazonas, por meio da Secretaria de Justiça, Direitos Humanos e Cidadania (Sejusc), implantou, ontem terça-feira (18/12), uma unidade do Pronto Atendimento ao Cidadão (PAC) no município Iranduba (distante 27 quilômetros de Manaus em linha reta). Agora são quatro PACs no interior (Manacapuru, Parintins, Itacoatiara e Iranduba) e oito em Manaus.

No primeiro dia, mais de 600 pessoas foram atendidas e 900 serviços prestados como emissão de documentos, realização de rodas de conversa sobre violência contra a mulher e embelezamento. “Como sempre, o serviço mais procurado é o de emissão de carteira de identidade. Foram mais de 200 emitidas, entre primeira e outras vias”, informou a secretária executiva de cidadania, Mirtes Sales.

Foto: Divulgação/Sejusc

A secretária da Sejusc, Eliane Ferreira destaca que a implantação de um PAC em Iranduba é uma reivindicação antiga da população local e que foi atendida no governo Amazonino Mendes devido ao respeito que o governador tem pelo povo do interior. “Apesar de Iranduba ser próximo de Manaus, nada melhor do que ter acesso aos serviços na própria cidade. Isso facilita a vida dos moradores que às vezes não tem como se deslocar até a capital e resolver suas pendências”.

Foto: Divulgação/Sejusc

Para a dona de casa, Paula Bezerra que emitiu a carteira de identidade da filha de oito anos de idade e aproveitou para fazer os serviços de embelezamento, o PAC vai favorecer a população irandubense. “Quanto mais serviços a gente tiver aqui na nossa cidade é melhor. Às vezes, ir a Manaus é difícil e quando se tem filhos pequenos é mais complicado. É um presente do Governo ter um PAC aqui”, diz.

Foto: Divulgação/Sejusc

A unidade vai funcionar de segunda a sexta-feira das 8h às 14h, com emissão de carteiras de identidade e de trabalho, reprografia, fotografia para documentos e alistamento militar.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui