Papa recebe elogios por incentivar amamentação em público

Papa observa uma mulher amamentando seu filho.

Papa observa uma mulher amamentando seu filho.
Papa observa uma mulher amamentando seu filho.

A Santa Sé incentiva a amamentação, inclusive em público e nos locais de trabalho, segundo declarou Dom Zygmunt Zimowski, presidente do Conselho Pontifício para a Pastoral da Saúde, na 67ª Assembleia Mundial da Saúde, realizada de 19 a 24 de maio, em Genebra. O incentivo por parte do pontífice Papa Francisco, mereceu elogios de mulheres e ativistas em todo o mundo.
Essa semana, ativistas femininas elogiaram as declarações do Papa Francisco, que defende o direito das mulheres amamentarem em locais públicos em qualquer horário e em qualquer lugar. A própria ONU reconhece que o aleitamento em lugares públicos é visto como um tabu, mesmo embora, incentive a prática entre as mulheres.
Para a Organização Mundial da Saúde (OMS), o aleitamento materno é o meio ideal para oferecer aos bebês todos os nutrientes de que precisam para crescer e ter um desenvolvimento saudável. Por isso, este organismo fez dela um dos grandes objetivos da sua estratégia de desenvolvimento no mundo inteiro, algo que foi acolhido com satisfação pela Santa Sé.
“A amamentação é uma importante proteção contra a desnutrição das crianças – declarou Zimowski. Por isso, é preciso protegê-la e promovê-la no contexto da atenção de primeira necessidade.”Além disso, “deve haver leis que garantam sua prática nos locais de trabalho e em público”, acrescentou.
Com relação à amamentação em público, o representante da Santa Sé recordou que o próprio Papa Francisco incentivou as mães a “não hesitar em amamentar seus filhos quando eles sentirem fome”.
No último mês de janeiro, o Pontífice disse, em um clima familiar e espontâneo: “Alguns vão chorar porque não estão cômodos ou porque têm fome. Se estão com fome, mamães, deem-lhes de comer! Há tantos bebês que choram porque sentem fome…”.
Fonte: Agência Aleteia.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui