Poder público deverá melhorar sistema de água em Anamã

Foto: Reprodução

A Prefeitura de Anamã (a 168 quilômetros de Manaus) deverá criar um sistema adequado de tratamento e abastecimento de água. A recomendação é do Ministério
Público do Amazonas (MPAM), por meio da Promotoria de Justiça de Anamã.

A Prefeitura deverá, também, buscar reparação para os danos causados aos milhares de consumidores locais. O objetivo é proteger o patrimônio público e social, meio ambiente e outros interesses difusos e coletivos.

Atualmente, o abastecimento em Anamã é feito por meio da captação de água em poços tubulares, sendo que atualmente existem seis poços em funcionamento no município, conforme consta em relatório técnico disponibilizado pela própria Prefeitura Municipal de Anamã e que integra a documentação inserida no procedimento investigatório do MP.

A prefeitura tem o prazo de noventa dias para adotar providências e soluções técnicas para normalizar o tratamento e a distribuição de água na cidade, devendo ser apresentados exames laboratoriais indicando que a água disponibilizada à população local pode ser considerada própria para consumo humano. Em caso de descumprimento, será aplicada multa de R$ 1 mil.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui