Polícia apreende 12 armas e grande quantidade de drogas em Nova Olinda do Norte

Foto: Divulgação

Na manhã desta quarta-feira (10), a Secretaria de Segurança Pública do Amazonas (SSP-AM) deflagrou a operação Nova Olinda, no município de Nova Olinda do Norte (a 135 quilômetros de Manaus), com objetivo de combater a atuação de organizações criminosas no interior do estado. A ação já resultou na apreensão de 12 armas, 3 quilos de drogas, além de R$ 17,7 mil em espécie e a recuperação de quatro veículos roubados na capital.

A ação ocorre de forma integrada entre a Polícia Militar do Amazonas (PMAM), Polícia Civil do Amazonas (PC-AM) e Secretaria Executiva Adjunta de Operações (Seaop). Um balanço deve ser apresentado ao fim da operação, sem prazo para finalizar no município.

O secretário de Segurança Pública do Amazonas, general Carlos Alberto Mansur, determinou a realização de uma operação na região para combater as ações criminosas, como tráfico de drogas, roubos, homicídios e receptação.

“Essa operação começou no dia 25 de julho, quando a Polícia Civil subiu o rio Madeira e foi até Novo Aripuanã. Durante o deslocamento, passamos pelos municípios para levantar situações de crimes que ocorrem no interior, fizemos um levantamento da situação de receptação de veículos e também problemas de tráfico de entorpecentes. Na ação tivemos prisões de pessoas ligadas a homicídios e também fizemos apreensão de 12 armas de fogo”, disse o general.

Conforme o delegado Guilherme Torres, diretor do Departamento de Polícia do Interior (DPI), da PC-AM, a Delegacia Especializada em Roubos e Furtos de Veículos (DERFV) obteve a informação de que uma quadrilha de receptadores de veículos estaria no município.

“Foi realizado um levantamento e, após 15 dias, deflagramos essa operação. Até o momento, nós temos 12 armas de fogo apreendidas, 3 quilos de drogas, além de veículos recuperados que foram roubados na capital e estavam sendo encaminhados para o interior. Também tivemos quatro pessoas presas em flagrante. Foi uma operação muito exitosa”, enfatizou o delegado.

Ao todo, os policiais cumpriram sete mandados de busca e apreensão em Nova Olinda do Norte, resultando na prisão de quatro pessoas em flagrante por porte ilegal de arma de fogo, tráfico de drogas e receptação. A suspeita é que o armamento apreendido seria utilizado por criminosos em homicídios no município.

A ação é continuação da operação Madeira, deflagrada em julho deste ano pela PC-AM, para reforçar o combate aos crimes ocorridos no interior do estado, e que resultou na prisão de um indivíduo e na apreensão de armas de fogo, munições, dinheiro em espécie e combustível irregular.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui