Polícia desarticula quadrilha que comandava o tráfico de drogas no Lírio do Vale

Foto: Alailson Santos/ PC-AM

Manaus – A Polícia desarticulou uma quadrilha que vinha comandando o tráfico de drogas no bairro Lírio do Vale, zona oeste de Manaus. Oito pessoas, envolvidas no esquema criminoso, foram apresentadas durante coletiva de imprensa realizada na delegacia supracitada.

A autoridade policial explicou que Eliaquim Vieira Batalha, 29; Erilane Ramos de Oliveira, 35; Gabrielly Farias de Melo, 21; Keisse dos Santos Costa, 37; Monike Cássia Souza da Silva, 28, e Samuel Vieira Batalha, 22, foram presos ao longo de quarta-feira (10/7), em pontos distintos do bairro Lírio do Vale, durante o cumprimento de mandados de prisão preventiva expedidos pelo juiz Jean Carlos Pimentel dos Santos, da 1ª Vara Especializada em Crimes de Uso e Tráfico de Entorpecentes (Vecute).

Delegado Aldeney Goes -Foto: Alailson Santos/ PC-AM

Goes disse, ainda, que Anderson Barbosa Felipe, 34, conhecido como “Peruca”, e Celson Alves dos Santos, 36, o “Amarelo”, que estavam na carceragem da Delegacia Especializada em Homicídios e Sequestros (DEHS) por envolvimento em homicídio, tiveram mandados de prisão preventiva cumpridos por integrarem o esquema criminoso no bairro Lírio do Vale.

“As investigações em torno dessa organização criminosa iniciaram em maio deste ano, quando o grupo passou a ser monitorado pela nossa equipe. Durante as diligências, constatamos que a quadrilha atuava na distribuição e comercialização de drogas no bairro Lírio do Vale. Além disso, Anderson e Celson têm participação em homicídios de membros de uma quadrilha rival”, relatou Goes.

Procedimentos – Anderson, Celson, Eliaquim, Erilane, Gabrielly, Keisse, Monike e Samuel foram indiciados por tráfico de drogas e organização criminosa. Anderson e Celson também irão responder por homicídio duplamente qualificado.

Ao término dos procedimentos cabíveis, os homens serão encaminhados ao Centro de Detenção Provisória Masculino (CDPM) e as mulheres levadas ao Centro de Detenção Provisória Feminino (CDPF), situados no quilômetro oito da rodovia federal BR-174.

Aldeney Goes pede às pessoas que possam colaborar com informações sobre o caso, entrar em contato com a equipe do 19º DIP pelo número (92) 99962-4415, o disque-denúncia da unidade policial. “Também disponibilizamos o número 181, da Secretaria de Estado de Segurança Pública do Amazonas (SSP-AM). Asseguramos o sigilo da identidade dos informantes”, garantiu.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui