Polícia indiana resgata centenas de crianças escravizadas

Silhuetas de crianças resgatadas do trabalho escravo, na India/Foto: Reuters

Crianças resgatadas do trabalho escravo, na India/Foto: Reuters
Silhueta de crianças resgatadas do trabalho escravo, na India/Foto: Reuters

A polícia indiana resgatou centenas de crianças escravas, algumas com menos de seis anos, após vários dias de operações em fábricas e oficinas na cidade de Hyderabad (centro), informou um oficial hoje, sexta-feira.
No âmbito de uma grande operação policial contra a escravidão infantil, em uma das últimas inspeções, na noite de sexta-feira, os agentes encontraram 120 crianças, algumas delas doentes, desnutridas e traumatizadas.

“Tinham doenças crônicas da pele e estavam desnutridas, traumatizadas e visivelmente agitadas”, explicou à AFP V. Satyanarayana, subdelegado para a zona sul de Hyderabad.

“Eram mantidas em quartos sujos, sem ventilação e expostas a gases tóxicos”.

As crianças contaram que eram obrigadas a trabalhar 16 horas por dia sem descanso e que, caso não obedecessem, eram ameaçadas com violência ou com falta de comida, explicou o oficial.

Muitas foram levadas de zonas pobres do estado de Bihar em 2014, depois de serem vendidas por seus pais a traficantes pelo equivalente de 80 a 160 dólares, segundo a polícia.

Outras 220 crianças foram resgatadas na semana passada em uma operação similar no sul da cidade, indicou Satyanarayana.

Mais de trinta pessoas, entre traficantes e intermediários, foram presas e acusadas de escravidão infantil, enquanto a polícia se esforça para reunir as crianças com suas famílias.

“A campanha contra o trabalho forçado e o tráfico continuará”, disse Satyanarayana.

Quatro milhões de crianças indianas trabalham atualmente como empregadas em restaurantes e fábricas, segundo dados do governo indiano publicados no ano passado, embora os ativistas e as ONGs acreditem que os números reais são muito mais altos.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui