Por que Braga (MDB) foge do palanque da candidata Simone Tebet, pelo MDB?

Plenário do Senado durante sessão senador Eduardo Braga (MDB-AM) conversa com senadora Simone Tebet (MDB-MS) - foto: arquivo

O MDB tem candidata a presidenta da República, a senadora mato-grossense Simone Tebet e tem o senador Eduardo Braga, ensaiando uma candidatura ao governo do Amazonas nestas eleições 2022.

Até aí, nenhuma novidade, os dois senadores podem fazer uma bela campanha e até vencer as eleições nos dois estágios majoritários.

O que não está bem explicado para as lideranças sindicais e a militância do PT no Estado, no entanto, é a insistência do senador Eduardo Braga em quase implorar apoio ao ex-presidente Lula, tendo uma candidata ao mesmo cargo, no seu partido.

“Estaria o senador Eduardo Braga traindo a senadora Simone Tebet e o seu partido?”, é o questionamento nas rodas sindicais.

E se ele vira as costas para uma colega de partido, porque não agiria da mesma forma com o presidente Lula? Em um acaso da política, se ele vencesse a eleição para o governo, qual seria a sua próxima atitude?

Esses questionamentos, talvez, tenha contribuído para os entraves que estão dificultado a aproximação de Eduardo Braga ao ex-presidente Lula.

Definitivamente, a assessoria de Lula talvez não esteja se sentindo confortável com a oferta de Braga, de “dar” um palanque com índices de aceitação baixíssimos.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui