Prefeito adota novas medidas de segurança sanitária em Iranduba até dia 23

Foto: Reprodução

Até o próximo dia 23, Iranduba (a 35 quilômetros de Manaus) estará com atividades não essenciais suspensas, conforme decreto do prefeito Augusto Ferraz. O hospital Hilda Freire está com mais de 90% dos leitos ocupados e sem oxigênio suficiente para atendimento.

Além disso, o prefeito determinou que as pessoas fiquem em casa no período de 14h às 6h do dia seguinte. As estratégias têm o objetivo de diminuir os casos de covid-19 na sede do município, distrito de Cacau-Pirêra e zona rural.

Haverá, ainda, fiscalização em balneários para determinar o fechamento dos locais. OS estabelecimentos não essenciais funcionarão somente com delivery e retirada.

Iranduba já registrou mais de 3 mil pessoas diagnosticadas com coronavírus. O número de óbitos em decorrência da covid-19 é de, aproximadamente, 60.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui