Prefeito assina ordem de serviço para reforma completa no CSU do Parque 10

Foto: Clóvis Miranda e Dhyeizo Lemos / Semcom

O prefeito de Manaus, David Almeida, assinou, ontem sexta-feira, 10/5, a ordem de serviço para a reforma completa do Centro Social Urbano (CSU), localizado na avenida Perimetral, no Parque 10 de Novembro, zona Centro-Sul da cidade. Os serviços realizados no espaço de cultura, lazer e entretenimento, serão executados por meio da Secretaria Municipal de Infraestrutura (Seminf).


“A reforma de um espaço como esse se faz necessária pela complexidade e importância que tem, não só para o Parque 10, mas para toda a cidade de Manaus. Aqui é uma área de convivência de toda a cidade, que interliga outras zonas e além desse trabalho que nós estamos fazendo, nós queremos dotar esse espaço de uma condição positiva para a prática do desporto, do lazer, do entretenimento, da gastronomia, do folclore, e assim a gente vai devolvendo a cidade de Manaus áreas importantes como essa aqui”, afirmou o prefeito.

Foto: Clóvis Miranda e Dhyeizo Lemos / Semcom

O CSU do Parque 10 possui, ao todo, 52 mil metros quadrados de área. A intervenção prevê a restauração do revestimento das duas piscinas. O piso em concreto das sete quadras receberá “piso modular”, que será sobreposto ao piso original, com espessura de 14 milímetros, tecnologia que reduz em 30% os impactos, além da vida útil de 10 a 15 anos e ainda prevê a durabilidade das cores. A peça evita poças d’água, é antiderrapante e tem proteção acústica.

“Por aqui passam milhares de adolescentes, adultos, idosos, pessoas que fazem natação, e zumba. E por isso o prefeito irá melhorar as áreas do Centro Social, aqui terá uma nova praça de alimentação para as pessoas que empreendem, as quadras receberão placas modulares que absorvem o impacto das atividades físicas, e o CSU será o primeiro local que receberá essa tecnologia e trabalharemos aqui se necessário for de dia, noite e madrugada para causar o mínimo de transtornos por conta da obra” afirma o secretário de Obras, Renato Junior.

Para o campo, o projeto prevê a reposição da areia. Nas laterais, as arquibancadas terão cobertura e os alambrados serão trocados. Outras áreas serão contempladas, como a pista de caminhada, o playground será modernizado, os banheiros revitalizados, a área de zumba será ampliada e os trailers de alimentação serão readequados.

O permissionário Elsson Sena, de 73 anos, mora há mais de 50 anos e afirma nunca ter visto uma reforma do Centro Social.

“Parece mais uma favela aqui dentro, nunca houve uma reforma. Só de Parque 10 eu tenho mais de 57 anos aqui, e se fizeram alguma coisa foi só uma maquiagem, porque há anos fomos esquecidos, agora essa reforma realmente vem para melhorar e fazer a gente se sentir valorizado” agora o permissionário.

Foto: Clóvis Miranda e Dhyeizo Lemos / Semcom

Desde o início da gestão David Almeida, a Prefeitura de Manaus tem revitalizado espaços destinados à prática de esporte e ao lazer dentro das comunidades. Na zona Sul, o campo da Lusitânia, no Crespo, ganhou uma repaginada, reforma que chegou também à lagoa do Japiim. No Morro da Liberdade, as crianças aprovaram o novo formato de praça molhada.

Na zona Leste, o complexo esportivo Casinha Branca, no Jorge Teixeira, conta, agora, com quadra poliesportiva e campo de areia, além de praça com quiosques. No Mutirão, o Campo do Coração foi contemplado com a reforma.

Artigo anteriorGigante dos mares atraca em Rio Grande para auxiliar vítimas das enchentes
Próximo artigoCorpo de Bombeiros amplia prevenção aquática na Praia da Ponta Negra

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui