Prefeitura realiza pesquisa com professores e pais sobre retorno das aulas

Foto: Reprodução

A Prefeitura de Manaus iniciou nesta terça-feira, 16/6, uma pesquisa para saber a opinião de professores, alunos e pais sobre o retorno das aulas presenciais na rede municipal de ensino. A consulta, realizada pela Secretaria Municipal de Educação (Semed), segue até a próxima sexta-feira, 19, por meio de links disponibilizados no site do órgão https://semed.manaus.am.gov.br/ e tem como objetivo fortalecer as ações da educação municipal.

Desde o dia 1º/4, os alunos da rede municipal de ensino participam do projeto “Aula em Casa”, resultado de uma parceria entre a Prefeitura de Manaus e o governo estadual, por meio de um Termo de Cooperação Técnica entre a Semed e a Secretaria de Estado de Educação e Desporto (Seduc). O projeto, além de assegurar o distanciamento social, em decorrência da pandemia da Covid-19, foi uma forma encontrada pela rede municipal de ensino, para continuar as atividades do ano letivo de 2020.

Estrutura

As equipes de Gestão Integrada da Educação (Gide) e de Geoprocessamento da Semed criaram a estrutura e análise da pesquisa, por meio do formulário Google, cujas respostas serão armazenadas no Google Stream. Depois disso, os dados coletados serão inseridos para análise no Power BI. Serão três formulários, sendo um link direcionado aos pais/responsáveis, alunos e professores.

Os pais devem responder a 19 perguntas, e um dos objetivos da pesquisa é conhecer a opinião dos mesmos sobre o projeto “Aula em Casa”. Os alunos, a partir do 4º ano do ensino fundamental, que participam de videoaulas e atividades desenvolvidas com os professores, vão responder a 17 questões. Já os professores terão 22 perguntas a serem respondidas, que irão avaliar e coletar sugestões a respeito das atividades desenvolvidas no projeto “Aula em Casa”.

Para ajudar na divulgação da pesquisa, o Departamento Geral dos Distritos (Degd), da Semed, vai direcionar os links por meio de e-mails aos chefes das divisões, que posteriormente, vão encaminhar aos gestores das escolas de suas respectivas zonas. De acordo com a diretora do Degd, Selma Trindade, os diretores vão passar os links aos professores e depois aos alunos e pais, por meio de aplicativos de conversa.

“É fundamental que todos participem da pesquisa, pois ela será importante para nós, enquanto secretaria e comunidade escolar. Isso vai nos ajudar a desenvolver estratégias para o nosso retorno, para o qual todos nós estamos nos preparando. Essa pesquisa vai ajudar também em nossas ações sobre isso”, avaliou.

A coordenadora geral da Gide, Musa Varela de Almeida Rosas, destacou o trabalho da equipe na elaboração da pesquisa, e principalmente nos resultados que vão ajudar no processo ensino/ aprendizagem, no retorno as aulas presenciais.

“Essa pesquisa nos dará um suporte e direcionamento para nos planejarmos para o retorno das aulas presenciais. Temos quase 70% da rede municipal de ensino engajada no projeto, e esperamos que esse número participe e responda a pesquisa”, completou.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui