Sanfoneiro é preso após menina de 11 anos confessar estupro para a polícia

Foto: Divulgação

MANAUS – Um homem de 33 anos, identificado como Bruno do acordeon foi preso na noite de segunda-feira (19), suspeito de estuprar a ex-enteada, uma criança de 11 anos. A vítima saiu de casa na tarde do último sábado (17).

De acordo com o pai, um homem de 37 anos, o ex-padrasto convenceu a criança a fugir de casa. Ela estava na casa da tia do homem, no bairro Santa Etelvina, na zona norte de Manaus.

“Fomos lá com o investigador, encontramos a casa e o endereço, mas a dona da casa se negou a dizer que era dona. Assim que nós saímos da casa dela, minha mãe ligou para dizer que ele tinha acabado de chegar em casa, com minha filha e que estava me esperando pra falar comigo”, explicou o pai da vítima.

Ao ser questionado pela equipe de investigação, inicialmente, o homem negou o crime e após confissão da adolescente, ele confessou o crime. A vítima contou à polícia que mantinha um relacionamento com o homem há mais de um ano.

Ainda de acordo com o pai, a mãe da vítima, que morreu há três meses, era conivente com a situação.

“Pelos fatos que a gente analisou, até a mãe era conivente quando era viva. Ela sabia e não fez nada. Pelo que entendi já faz algum tempo desse relacionamento, mas como estava na responsabilidade da mãe, eu confiei”, contou o pai da vítima.

A vítima se aproximou do suspeito novamente após a morte da mãe, por meio das redes sociais. No último sábado, quando ela saiu, chegou a levar uma mochila com roupas.

O homem foi preso pela equipe da Delegacia Especializada em Proteção a Criança e ao Adolescente (Depca) para procedimentos cabíveis.

Com informações

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui