Satélites revelam que mais crateras misteriosas surgem na Sibéria

Mais crateras descobertas na Sibéria.

 

Mais crateras descobertas na Sibéria.
Mais crateras descobertas na Sibéria.

A descoberta de diversas crateras gigantes na Sibéria atraiu nos últimos meses interesse mundial, lançando especulações que iam desde meteoritos até aliens. E agora, os cientistas descobriram ainda mais delas.
Em julho de 2014, pastores de renas descobriram uma cratera de 80 metros de largura em Yamal, península do norte da Rússia. Mais tarde, naquele mês, mais duas crateras foram descobertas no distrito de Tazovsky e Taymyr, respectivamente.
Agora, as imagens de satélite revelaram pelo menos mais quatro crateras, e pelo menos uma é cercada por mais de 20 mini-crateras.
“Sabemos agora de sete crateras na área do Ártico”, Vasily Bogoyavlensky, um cientista petrolífero de Moscou e do Instituto de Pesquisa de Gás, disse ao jornal The Siberian Times. “Cinco estão diretamente na Península de Yamal, uma em Yamal, o distrito autônomo, e uma está no norte da região de Krasnoyarsk, perto da Península de Taimyr”.
Agora, duas das crateras se transformaram em lagos, imagens de satélite revelam. Uma cratera chamada B2, localizada a 10 quilômetros ao sul de Bovanenkovo, um importante campo de gás no distrito autônomo de Yamalo-Nenets, agora é um grande lago cercado por mais de 20 pequenas crateras cheias de água.
Mas Bogoyavlensky acha que pode haver muitos mais. Ele pediu uma investigação mais aprofundada das crateras, além de recomendações de segurança para a região. “Devemos pesquisar esse fenômeno com urgência, para evitar possíveis desastres”, disse ele.
(mistériosdomundo)

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui