Seminf revitaliza mais de sete quilômetros de vicinais no Puraquequara

Foto: Osmar Neto/Seminf

A Prefeitura de Manaus segue com seu compromisso de levar infraestrutura para a zona rural. Nesse final de semana, o vice-prefeito e secretário municipal de Infraestrutura, Marcos Rotta, fiscalizou os trabalhos de revitalização de mais de sete quilômetros de vicinais ligadas ao ramal 14 no Puraquequara, zona Leste da capital.

No local, existem mais de 400 famílias de agricultores com produções de verduras, hortaliças, carne, frango, peixe, entre muitas outras, que agora podem escoar seus produtos com muito mais facilidade. Entre os serviços, a Secretaria Municipal de Infraestrutura (Seminf) realiza terraplanagem que garantirá trafegabilidade no local.

Foto: Osmar Neto/Seminf

“O prefeito David Almeida e eu temos um compromisso com a zona rural da capital, que, por muitos anos esteve esquecida. Atualmente, temos obras em diversas comunidades como o Pau-Rosa, o ramal Castanheiras, aqui no Puraquequara que já teve ramais revitalizados com a aplicação de asfalto inclusive, além de, pela primeira vez, estarmos levando iluminação a LED para estas localidades com o Ilumina Manaus Rural”, disse o vice-prefeito.

Foto: Osmar Neto/Seminf

A Prefeitura de Manaus realiza também trabalho de recuperação em outras comunidades, com serviço de infraestrutura em locais, como ramais 9, entregue recentemente completamente revitalizado, Castanheiras, que já está sendo recuperado, Sub-10 e Santa Inês, ambos com acesso pelo ramal do Brasileirinho, no bairro Jorge Teixeira, zona Leste da capital; comunidade Itaporanga, zona Norte da capital, começando pelo ramal do “Estradão”, que dá acesso ao local, entre outros.

O Executivo municipal tem levado ainda iluminação a LED, por meio do programa “Ilumina Manaus Rural”, para comunidades como a Bom Sucesso, localizada à margem esquerda do rio Negro, a 80 quilômetros da área urbana; comunidade do Abelha, localizada na margem direita do rio Negro; comunidade Nossa Senhora de Fátima, no ramal da Cooperativa; comunidade São João do Tupé, inserida na Reserva de Desenvolvimento Sustentável (RDS) do Tupé, e a meta é alcançar mais de 60 comunidades com o programa.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui