Servidores da Residência Inclusiva em Tefé devem ser vacinados com urgência

Foto: Reprodução

Residentes e trabalhadores da Residência Inclusiva em Tefé (a 325 quilômetros de Manaus) devem ser imunizados com urgência. A recomendação é do Ministério Público do Amazonas (MPAM) e foi feita à Prefeitura de Tefé.

A Promotoria de Justiça expediu tal recomendação considerando que até o dia 1º não houve vacinação das referidas pessoas, ao todo quatro residentes, sete cuidadoras, um assistente social, uma psicóloga e uma coordenadora, um serviços gerais, embora já tenha havido recomendação formal para tal ato à Secretaria Municipal de Saúde. O não acatamento desta Recomendação constituirá dolo específico para quaisquer providências, bem como, mora para ajuizamento de Ação Judicial.

Residência Inclusiva é uma modalidade de acolhimento de jovens e adultos (18 a 59 anos) com deficiência, cujos vínculos familiares estejam rompidos ou fragilizados. É previsto pessoas que não dispõem de condições de autossustentabilidade, de retaguarda familiar temporária ou permanente ou que estejam em processo de desligamento de instituições de longa permanência.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui