Sinetram inicia campanha de combate ao abuso contra mulheres em ônibus

Foto: Divulgação

A partir desta quinta-feira (14/02), o Sindicato das Empresas de Transporte de Passageiros do Estado do Amazonas (Sinetram), juntamente com as empresas Integração, Rondônia, Via Verde, Vega, Expresso Coroado, Líder, Global Green, Viação São Pedro e Açaí, iniciou a divulgação da campanha de combate ao abuso contra as mulheres no transporte coletivo.

A iniciativa vem para atender a lei de Nº 4.784/2019, aprovada pela Assembleia Legislativa do Estado do Amazonas (Aleam) e sancionada pelo governador no dia 18 de janeiro, que determina a fixação de cartazes em todos os ônibus como forma de combater a prática que é crescente.

Foto: Divulgação

Com o slogan “Abuso e violência contra as mulheres no transporte coletivo são crimes. Denuncie”, as peças de divulgação informam os números 190 (Polícia Militar) e 180 (Central de Atendimento à Mulher) para as pessoas que sofrerem ou presenciarem situações de abuso contra a mulher realizarem a denúncia. Dados como horário, linha do ônibus, roupa do agressor e características físicas devem ser repassados aos órgãos.

O Diretor Presidente do Sinetram, Algacir Gurgacz, destaca que os ônibus são espaços de convivência social e que, portanto, regras de boa convivência devem ser consideradas por todos. “A questão do abuso contra as mulheres diz respeito a toda a sociedade. É um crime que deve ser combatido e denunciado por todos sempre que ocorrer”, disse.

Os cartazes serão fixados em toda a frota que atende o transporte coletivo em Manaus, totalizando 1.249 ônibus, nos terminais de integração e nos postos do Sinetram.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui