Amazonas Cidades

Susam entrega aparelhos para prevenção ao câncer ginecológico na Fcecon

Avatar
Escrito por Redação 4

Manaus – A Secretaria de Estado de Saúde (Susam) entregou nesta quinta-feira (30/05) três aparelhos colposcópio para a Fundação Centro de Controle de Oncologia do Estado do Amazonas (FCecon).

O equipamento é utilizado para identificação de indícios visíveis de tecido anormal, sendo indicado para a prevenção do câncer ginecológico. O aparelho funciona como um microscópio para ampliar a visão do colo uterino.

O secretário de estado de Saúde, Rodrigo Tobias, disse que é prioridade desta gestão o fortalecimento das fundações e do trabalho em rede.

“A doação desses três aparelhos de colposcopia, na verdade é simbólica, mas através dessa ação estabelece-se cada vez mais uma relação de parceria entre a FCecon e a Susam. A doação desses aparelhos vai apoiar e também conseguir identificar lesões primárias de câncer de colo uterino”, declarou o secretário.

A médica ginecologista Mônica Bandeira, da FCecon, afirmou que os aparelhos serão utilizados em ações da fundação no interior. Hoje, os procedimentos de colposcopia são realizados apenas em Manaus.

“Eu sou médica da FCecon há 28 anos e faz muito tempo que a gente espera por isso. Precisa sim, interiorizar a nossa saúde levando prevenção do câncer de colo uterino para quem realmente mais precisa, que são essas mulheres dos nossos municípios do Amazonas”, afirmou a médica.

Segundo a médica os três aparelhos serão utilizados nas ações do programa Ver e Tratar o Câncer de Colo Uterino, da FCecon, para prevenir a doença, através da realização de conizações no interior do Amazonas. Atualmente, apenas a FCecon faz o procedimento, recebendo mulheres de todos os municípios.

O projeto quer evitar o deslocamento para Manaus das mulheres portadoras de lesões precursoras de câncer de colo uterino, detectadas no preventivo. Serão realizados mutirões permanentes nos municípios polos a cada seis meses, como em Itacoatiara, Borba, Manacapuru, Tabatinga, Parintins, Tefé e Coari. O projeto será coordenado pela equipe de médicos do serviço de Ginecologia da Fundação.

Comentários

comentários

Deixe seu comentário