Vários muros de SP amanheceram pichados com frases de revolta

As atitudes de Bolsonaro com relação à pandemia do coronavírus têm revoltado a população – foto: jornalista Kalil Oliveira

De acordo com imagens publicadas no Twitter do jornalista Kalil Oliveira, na manhã deste sábado (11), a cidade de São Paulo amanheceu pichada na sexta-feira com a frase “Bolsonaro assassino” em diversos pontos.

As pichações aparecem ao menos em quatro pontos com letras enormes, todas elas em vias expressas.

Em edição que deu destaque para o crescimento no número de mortes no país pelo novo coronavírus, o Jornal Nacional, da TV Globo, voltou a criticar o presidente Jair Bolsonaro por desrespeitar o isolamento social nesta sexta-feira (10).

Revolta da população – foto: jornalista Kalil Oliveira

“Nesta sexta-feira, pelo segundo dia seguido, o presidente Jair Bolsonaro desrespeitou as medidas de isolamento social que a Organização Mundial da Saúde recomentou a todo o planeta e que o Ministério da Saúde tem pedido incansavelmente”, disse o apresentador William Bonner.

O telejornal exibiu imagens do presidente causando tumulto em Brasília e destacou a cena em que o ex-capitão passa a mão no nariz antes de cumprimentar eleitores.

Revolta da população paulistana – foto: jornalista Kalil Oliveira

“O presidente esfregou o nariz com o punho antes de cumprimentar três pessoas com apertos de mães. Tudo ao som de gritos de apoio, mas também de panelas e vaias”, disse Bonner.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui