Venezuelano é torturado e morto no Cacau Pirêra

Foto: Reprodução

O corpo do mecânico Frank Steiven Tablante, 20, que foi assassinado a tiros, em um Ramal, no Cacau Pirêra, região Metropolitana de Manaus, foi encontrado amarrado na manhã desta segunda-feira (25), por volta das 5h30.

De acordo com a perícia da polícia, o corpo do jovem, além de está com as mãos e pés amarrados, possuía cortes por arma branca na região do pescoço. Familiares do jovem, que estiveram no local, informaram que os pertencentes da vítima foram furtados.

De acordo com a polícia civil, o jovem é venezuelano e chegou na capital em 2019. Ele trabalhava no bairro Compensa, zona oeste de Manaus e morava no Distrito de Cacau Pirêra.

Moradores, de onde o corpo foi encontrado, relatam terem ouvido disparos de arma de fogo na noite de domingo (24). Após perícia da polícia, o corpo da vítima foi removido pelo Instituto Médico Legal (IML).

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui