Vereador diz que vai exigir fiscalização rigorosa em ônibus, em Manaus

Vereador Gilvrandro Mota/Foto: Tiago Correa

O vereador Coronel Gilvandro (PTC) afirmou que vai exigir fiscalização periódica das frotas dos coletivos em Manaus, em vista do possível aumento da tarifa de ônibus. O parlamentar informa que as concessionárias de transporte público devem cumprir os princípios dos contratos de concessão, que envolvem manter uma frota com veículos novos, manutenção em dia e extinção daqueles com mais de dez anos de uso.
“É importante o cumprimento do contrato na íntegra para o real benefício da população e da classe empresarial”, explicou o parlamentar.

Vereador Gilvrandro Mota/Foto: Tiago Correa

Quanto ao valor do reajuste, Gilvandro admite a necessidade do acréscimo devido ao aumento no valor da gasolina, do custo de manutenção e da distância de itinerários – considerando o crescimento horizontal de Manaus. “Quando o reajuste aplicado é revertido em melhoria no transporte público, o trabalhador tem mais garantia. Isso porque ele se deslocará para o emprego com mais facilidade, com menos demora e estresse, resultando no maior aproveitamento no trabalho”, afirmou.

Para Gilvandro Mota, os direitos dos trabalhadores rodoviários devem ser garantidos, com o objetivo de evitar as constantes paralisações no transporte público. “A população precisa utilizar coletivos novos, com equipamentos de acessibilidade para deficientes físicos e sem superlotação”, salientou o parlamentar.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui