Amazonas Destaques Formal & Informal

Vereador do PT volta à Câmara para defender o prefeito Chico Doido do DEM

Vereador Luiz Carlos Velho (PT), troca a secretaria de saúde pela defesa do prefeito Chico Doido (DEM) - foto: divulgação
Redação
Escrito por Redação

Contando com o esquecimento do povo, mas diante de um telão a ser instalado na Praça dos Poderes, os vereadores municipais de Iranduba vão votar nesta terça feira (04), o pedido de cassação do prefeito Chico Doido e o parecer da Comissão Processante, que analisou a denúncia da merendeira e funcionária municipal Roseane Corrêa.

O prefeito é acusado de ter praticado um rombo de mais de R$ 4,2 milhões ao órgão de previdência municipal INPREVI, recolhidos em 2017 e outras despesas ainda não explicadas, além de atrasos nos pagamentos de férias, 13º salários dos funcionários municipais relativos aos anos de 2016 e 2018.

Vereador Luiz Carlos Velho (PT), troca a secretaria de saúde pela defesa do prefeito Chico Doido (DEM) – foto: divulgação

Voto confirmado

Pelo menos o voto do vereador licenciado Luiz Carlos Velho (PT), já está confirmado a favor do prefeito. De acordo com vereadores de oposição, independente do parecer da Comissão Processante, ele vota pela não cassação de Chico Doido, do Democratas. Velho vai deixar a Secretaria de Saúde nessa sexta feira (30), para voltar a sua vaga de titular na Câmara Municipal de Iranduba, com a missão de votar e defender o prefeito em todos os pareceres, seja ele culpado ou não.

A sua suplente, a vereadora Geiner Oliveira (PCdoB), foi notificada ontem (27), de que terá de entregar a vaga de vereadora do Município de Iranduba, nessa sexta feira (30), ao titular do PT, que chega com a missão de ‘dar o sangue’ na defesa do prefeito Chico Doido.

Presentinhos de natal

Geiner sai atirando, diz que Luiz Carlos Velho é do PT, mas vota no DEM. Além dele, outros nove vereadores estão sendo ‘manobrados’ pelo prefeito Chico Doido a votarem a favor da não cassação mediante uma série de ‘presentinhos de natal’, cargos em secretarias e acordos futuros.

Geiner lembrou que a primeira votação, para aprovação da implantação da Comissão Processante foi de (10×3), pouco mais de três semanas depois, fala-se em um placar de (9×4) a favor do prefeito Chico Doido. “Tem alguma coisa errada nessas contas”, destaca ela. “Eles não tem motivo para salvar o prefeito, mas querem salvar em troca de benefícios e cargos”, diz.

A suplente de vereador, Geiner Oliveira (PCdoB) deixa o cargo mas não a oposição ao prefeito Chico Doido – foto: divulgação

A mudança de opinião, mesmo antes de conhecer o parecer da Comissão Processante, está intrigando a vereadora suplente Geiner. “Se não tivesse essa missão de defender o prefeito Chico Doido, o secretário Velho do PT não teria deixado a Secretaria de Saúde”. Velho foi um ano e meio de oposição, quando ganhou a secretaria, calou-se para apoiar o prefeito incondicionalmente.

Vai ter barulho

Na terça feira Geiner garantiu que estará na galeria, junto com os comunitários. Ela confirma que não está preocupada com o cargo de vereadora, mas com a transparência na prefeitura de Iranduba e, com o povo sofrido com três administrações corruptas, que passaram. “A população não quer mais o Chico Doido, o ‘coronel de barranco’ que está há menos de 20 minutos da capital, mas administra a prefeitura como se fosse um dono de propriedade. Intimidando todo mundo”, finaliza a suplente de vereadora.

Comentários

comentários

Deixe seu comentário

error: Ops! não foi dessa vez.