Política

Vereador Fred Mota leva demandas de igrejas evangélicas à PGM

Foto: Robervaldo Rocha – Dircom/CMM
Redação I
Escrito por Redação I

Na manhã desta terça-feira (23/04), o vereador Fred Mota (PR) se reuniu com o procurador geral do município de Manaus, Rafael Albuquerque, para discutir demandas de igrejas evangélicas localizadas na primeira e segunda etapa do conjunto residencial Viver Melhor, na zona Norte de Manaus. A reunião aconteceu na sede da Procuradoria Geral do Município, na Compensa, zona Oeste da capital.

De acordo com o parlamentar, uma das principais demandas apresentadas ao procurador foi a regularização fundiária dos terrenos onde estão construídas as no conjunto Viver Melhor. “Essas igrejas estão estabelecidas no conjunto há muitos anos, desempenham um trabalho social importante com a população do local, mas estão esbarrando na questão fundiária”, explicou Fred Mota.

O vereador salientou que a reunião foi produtiva, e que o procurador se comprometeu a analisar com calma a regularização fundiária dos terrenos onde os templos estão localizados. “Expliquei a ele que as igrejas têm papel fundamental na promoção da paz, do amor e da união, e que a Prefeitura de Manaus mantém interesse nisso. Foi uma boa reunião, uma boa conversa, e saímos de lá cientes da resolução do problema”, completou.

Foto: Robervaldo Rocha – Dircom/CMM

Fred Mota também destacou a passagem do Dia Nacional da Educação dos Surdos, comemorado anualmente em 23 de abril. O vereador lembrou o trabalho desempenhado por instituições como o Instituto Filippo Smaldone, localizado na Zona Oeste da capital, que trabalha especificamente com alunos surdos, e a Universidade Federal do Amazonas (UFAM), que mantém o curso de Licenciatura em Letras-Libras.

“O Instituto Filippo Smaldone, que eu cheguei a carregar tijolos para a construção de sua sede lá no Planalto, faz um trabalho incrível com os alunos surdos, razão pela qual merece todo o nosso respeito e admiração. Parabenizo, ainda, o trabalho da primeira-dama do Brasil, Michelle Bolsonaro, que tem um trabalho especial voltado para a comunidade surda, que hoje soma mais de nove milhões de brasileiros”, completou.

Fonte: CMM

Comentários

comentários

Deixe seu comentário

error: Ops! não foi dessa vez.