Wilson Lima abre Ano Letivo de 2021 com jornada pedagógica do ‘Aula em Casa’

Foto: Divulgação

Com a realização da Jornada Pedagógica para mais de 21 mil professores, gestores e pedagogos, o governador Wilson Lima deu início ao ano letivo de 2021, nesta segunda-feira (8).

A jornada consiste em preparar os profissionais sobre a grade curricular e o novo formato do projeto “Aula em Casa”, que será utilizado no retorno às aulas, a partir do próximo dia 18, junto aos alunos da capital e interior.

A jornada foi feita por meio do Centro de Mídias de Educação do Amazonas (Cemeam), da Secretaria de Estado de Educação e Desporto (Seduc). “Isso é importante, levando em consideração o momento de pandemia que nós vivemos e a utilização de uma estratégia diferente dos outros anos, é um aprimoramento do que aconteceu em 2020, com o ‘Aula em Casa’, que são as aulas transmitidas através dos multicanais da nossa TV Encontro das Águas e também com alguns recursos de aplicativos e de sites”, destacou o governador Wilson Lima.

Neste ano, o projeto terá três canais de televisão simultâneos, um voltado para os conteúdos dos Anos Iniciais, outro direcionado a estudantes dos anos finais e modalidade Educação de Jovens e Adultos (EJA) e, por fim, um terceiro com as aulas para o Ensino Médio. Fora isso, os alunos também poderão acompanhar as transmissões pelo YouTube e pelo aplicativo oficial do “Aula em Casa”, como no ano passado.

O governador Wilson Lima enfatizou que o retorno presencial às salas de aula vai depender da evolução do cenário epidemiológico. “Vamos continuar trabalhando para ampliar a nossa rede, encontrando alternativas para que ninguém fique sem as atividades letivas nesse período e, tão logo a gente tiver a segurança necessária, vamos voltar de forma gradual, seguindo todos os protocolos estabelecidos pelos profissionais da área da saúde”.

‘Aula em Casa’

Assim como foi em 2020, as secretarias de Educação continuarão disponibilizando os conteúdos do projeto “Aula em Casa” nas plataformas digitais, tais como Ambiente Virtual de Aprendizagem (AVA), Saber+ e Plataforma Educação. A grande novidade para 2021 ficará por conta da criação do Caderno Digital. A ferramenta estará disponível para os professores e estudantes da rede pública, que deverão utilizá-la para exercitar e reforçar os conteúdos trabalhados no projeto.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui