Beija-Flor é campeã do carnaval no RJ

Beija-Flor é a campeã do Grupo Especial do Rio de Janeiro ( Divulgação: Twitter/G1)

Com um dos carnavais mais críticos que já passaram na Avenida, a Beija-Flor de Nilópolis foi a campeã de 2018. A escola da Baixada Fluminense garantiu o título só no último quesito, samba-enredo, quando ultrapassou o Acadêmicos do Salgueiro.

Com o enredo “Monstro é aquele que não sabe amar. Os filhos abandonados da pátria que os pariu”, a azul e branca apresentou uma proposta diferente de desenvolvimento de enredo, sem o luxo que era característico da escola, mais teatralizado e ferrenho quanto às mazelas do Brasil.

“Ratos e Urubus”(Foto: Gabriel de Paiva/ Ag: O Globo)

Sem o campeonato desde 2015, era uma virada da agremiação na maneira de fazer os desfiles. Antes da apuração, havia até uma preocupação quanto à estética da escola. A agremiação chegou a perder, de fato, dois décimos em Alegorias e Adereços, e um em fantasias. Mas prevaleceu a mensagem levada à Sapucaí.

Carro “Mas o samba faz essa dor dentro do peito ir embora” (Foto: Márcio Alves/Ag: O Globo)

O ano em que os enredos críticos deram o tom na Sapucaí teve ainda a Paraíso do Tuiuti com um histórico vice-campeonato. A escola levou para a Avenida uma representação do presidente Michel Temer como vampiro.

Décimo perdido pelo Salgueiro e 10 da Beija-Flor levam Nilópolis à loucura (Foto: Henrique Coelho/G1)

A terceira colocação ficou com o Salgueiro. Em seguida, ficaram Portela, Mangueira e Mocidade, que completam o desfile das campeãs. Já a Grande Rio, que teve um carro quebrado no desfile, e o Império Serrano, foram rebaixadas.

Fonte: O Globo

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui