Decoração de Natal do Largo de São Sebastião já recebeu 72 mil pessoas

Fotos: Grego Kellaris/ Secretaria de Estado de Cultura e Economia Criativa

O Largo de São Sebastião entrou em clima de festa com “O Mundo Encantado do Natal” e, em menos de uma semana do lançamento da cenografia e ornamentação, o espaço recebeu um público rotativo de 72 mil pessoas. Com a realização do Governo do Estado, por meio da Secretaria de Cultura e Economia Criativa e Fundo de Promoção Social (FPS), o cartão-postal do Amazonas no Centro de Manaus integra a programação que tem mais de 300 ações na capital e interior do Amazonas.

O sucesso da temporada, carregada de novidades, deve-se também aos espaços interativos no Largo de São Sebastião e no entorno. A Casa do Biscoito, atração inédita, recebeu mais de 1,2 mil crianças e a Fábrica do Papai Noel, que voltou neste ano repaginada, já registrou a visita de mais de 2,5 mil pessoas, ambas em apenas seis dias de funcionamento, por agendamento no Portal da Cultura (cultura.am.gov.br).

Foto: Grego Kellaris/ Secretaria de Estado de Cultura e Economia Criativa

O Passaporte Natalino, item personalizado com a foto da criança, que recebe um carimbo a cada visita às atrações do Largo São Sebastião, é outro sucesso desta edição. Já foram emitidos 2,3 mil passaportes. O projeto Mania de Ler também leva literatura para a programação natalina, 3.085 crianças passaram pelo local, em seis dias.

O secretário de Cultura e Economia Criativa, Marcos Apolo Muniz, destaca que o Largo de São Sebastião permanece iluminado das 18h às 22h, diariamente, permitindo que o público visite o local após o expediente.

“Pensamos em uma programação acessível a um maior número de pessoas, começando pela árvore de Natal que pode ser apreciada de manhã e à noite”, pontua o secretário. “Todas as atrações são gratuitas e temos a programação sem agendamento no Largo que acontece de quarta-feira a domingo, música e dança com nossos corpos artísticos, a exposição Natal dos Santos de Jacqmont no Gebes Medeiros, atrações no Teatro da Instalação, escolas e municípios”, acrescenta.

Quem foi conferir de perto a nova decoração do Largo de Sebastião, na noite de quinta-feira (1º/12), foi a família de Lucas Araújo, que mora na Cidade Nova. “Na minha opinião, este ano superou o ano passado, está muito bonito e o que mais me chamou atenção foi a Árvore de Natal, que está muito bem enfeitada com tantos presentes, colorida e atraente”, disse Lucas, acompanhado pela esposa Crislayne e o filho Lucas.

A família de Thayara Silva também escolheu o Largo de São Sebastião para visitar, valorizando cada detalhe da decoração. “Com certeza isso está fazendo a alegria de muitas pessoas, só de estar aqui poder tirar uma foto e prestigiar os eventos, é muito bom”, disse a moradora do Campos Elíseos, ao lado dos filhos Elias e Eloá.

Programação aberta ao público

Durante toda a temporada natalina, os espaços vão receber uma programação, sobretudo, com a inclusão dos corpos artísticos do estado e artistas locais. Assim como o Balé Folclórico do Amazonas, que apresenta “Ciranda Natalina”, montagem exclusiva para temporada. No palco, 12 bailarinos encenam uma montagem natalina com uma versão mais próxima da realidade amazônica.

“É a primeira vez que fazemos uma história de Natal, da Maria das Graças Cabocla com o marido José Raimundo, trouxemos a história para comunidade ribeirinha”, explica a diretora artística da companhia, Conceição Souza.

Cantores locais que o público acompanha e prestigia também fazem parte do elenco nos espaços. Pela primeira vez participando do evento natalino, o cantor Nicolas Jr, um dos representantes da música amazonense, sente-se prestigiado com o convite.

“Eu fico extremamente feliz porque é sempre uma vitrine os espaços públicos, tanto para mim, que já tenho 22 anos de carreira, quanto para os artistas novos. Ganha todo mundo, o público pelo acesso à arte e à cultura e o artista por projetar a sua arte”, conclui Nicolas.

A programação completa do “O Mundo Encantado do Natal”, está disponível no Portal da Cultura (cultura.am.gov.br), assim como os espaços culturais que recebem visitas por agendamento.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui