Demissão de mais três ministros está sendo ‘negociada’ pelo Centrão

Encabeçando a lista, Ricardo Salles, tem sobre as costas, acusação de procuradores do MPF, dizendo que o ministro do Meio Ambiente favorece interesses que não têm relação com a finalidade da pasta - foto: recorte/arquivo

Jair Bolsonaro ‘negocia a substituição’ de mais três ministros com aliados do Centrão, segundo o jornalista Kennedy Alencar, no UOL.

Entre os ministros que devem deixar os cargos, estão Ricardo Salles (Meio Ambiente), Bento Albuquerque (Minas e Energia) e Gilson Machado Neto (Turismo).

“O presidente da Câmara, Arthur Lira (PP-AL), deverá ser o padrinho de um dos novos integrantes do primeiro escalão de Bolsonaro. O presidente do Senado, Rodrigo Pacheco (DEM-MG), também está sendo ouvido pelo presidente”, informou o jornalista.

Segundo Kennedy, “as trocas se inserem no contexto político de evitar um impeachment devido ao desastre na pandemia e alimentar alguma chance de reeleição em 2022”.

Se confirmadas as mudanças, serão nove mudanças em ministérios na última semana.

Na segunda-feira, 29, Jair Bolsonaro emitiu nota confirmando mudanças no comando de seis ministérios.

Na Casa Civil, sai o ministro Walter Braga Netto e assume o ministro Luiz Eduardo Ramos, que chefiava a Secretaria de Governo.

No Ministério da Justiça, assume o delegado federal Anderson Torres, substituindo André Mendonça, que volta para a Advocacia Geral da União.

No Ministério da Defesa entra Walter Braga Netto, no lugar de Fernando Azevedo e Silva.

O Ministério das Relações Exteriores, será comandado pelo embaixador Carlos Alberto Franco França.

Na Secretaria de Governo entra a deputada federal Flávia Arruda (PL-DF).

Efetivamente, deixam o governo os ex-ministros Ernesto Araújo (Relações Exteriores), Fernando Azevedo e Silva (Defesa) e José Levi (AGU).

Walter Braga Netto, Luiz Eduardo Ramos e André Mendonça foram movidos entre pastas.

O delegado federal Anderson Torres, o embaixador Carlos Alberto Franco França e a deputada federal Flávia Arruda (PL-DF) são os novos integrantes do governo.

Inscreva-se na TV 247

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui