Em confronto com PMs, suspeito é morto a tiros no município de Iranduba

Mayck foi alvejado a tiros após confronto com os PMs - foto: divulgação

Mayck Monteiro Paes, de 31 anos, foi morto a tiros durante confronto com policiais militares, na madrugada desta segunda-feira (15), em Iranduba (a 27 quilômetros de Manaus). O fato ocorreu por volta das 4h30, na Rua Rio Madeira, no Centro do município.

De acordo com as informações da polícia, Mayck estava praticando assaltos na cidade. Ao ser abordado, o suspeito esfaqueou e atirou na perna esquerda de um policial. Diante das circunstâncias, os policiais militares reagiram e Mayck foi atingido com tiros nas costas e perna, vindo a morrer no local.

À polícia, o pai da vítima, Jucelino Pinto Paes, de 60 anos, disse que o filho morava em Manaus e tinha ido ao município para passar o ‘Dia dos Pais’ e que não o via há dois anos.

Durante a madrugada, ele acordou com um cheiro forte dentro da casa e viu Mayck consumindo drogas. Jucelino repreendeu o filho, mas Mayck ficou irritado e pegou uma faca para matá-lo. Os dois homens iniciaram luta corporal, mas Mayck fugiu em seguida.

Conforme o comandante Fabrício Vieira, da 8ª Companhia Independente da Polícia Militar (CIPM), o suspeito estava aparentemente sob o efeito de drogas. Ele foi para frente da feira do município, onde tentou roubar dois veículos.

“Mayck conseguiu tirar o condutor de uma caminhonete S-10, mas não conseguiu funcionar o automóvel. Bastante transtornado, Mayck abordou outro veículo que passava pelo local, o qual ainda desferiu uma terçadada na lataria do carro.

Sem ter êxito, Mayck fugiu a pé na direção de um terreno, mas foi cercado pelos policiais militares. Na ocasião, o cabo Gama atirou para cima na tentativa de contê-lo, porém, ele reagiu e desferiu uma facada e um tiro no policial, que reagiu e atirou no suspeito, que morreu na hora.

Peritos criminais do Departamento de Polícia Técnico-Científica (DPTC) informaram que a suposta arma usada pelo suspeito não foi encontrada na cena do crime, apenas uma faca e uma porção de entorpecente.

O policial militar foi socorrido e levado para o Hospital e Pronto-Socorro (HPS) 28 de Agosto, na Zona Centro-Sul de Manaus. Já o corpo do suspeito foi encaminhado ao Instituto Médico Legal (IML), na Zona Norte da capital amazonense.

Por Josemar Antunes

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui