Gabigol leva calote do ‘Faraó dos Bitcoins’, junto à má fase no Flamengo

Foto: Sergio Moraes/Retuers

Gabigol não está em má fase apenas no Brasileirão, em que até agora marcou apenas dois gols em onze rodadas, lembra a coluna de Lauro Jardim, em O Globo.

Nos investimentos, o camisa 9 do Flamengo também tem problemas: é um dos credores de Glaidson Acácio dos Santos, o “faraó dos bitcoins”, preso há dez meses, acusado de comandar esquema de lavagem de dinheiro que movimentou mais de R$ 2 bilhões.

Neste sábado, o Flamengo perdeu do Internacional por 3 a 1, e está próximo da zona do rebaixamento do Campeonato Brasileiro.

No final de maio, a Polícia Federal indiciou Glaidson Acácio dos Santos, “o Faraó dos Bitcoins”, por lavagem de dinheiro e ocultação de bens. De acordo com investigadores, o sistema patrocinado por Glaidson movimentou em torno de R$ 38 bilhões.

O Ministério Público Federal está com o relatório e analisará se aceita o indiciamento e denuncia Acácio.

O “faraó” é réu em ações que o acusam de fraude contra o sistema financeiro, lavagem de dinheiro e homicídios. Ele está preso no Complexo Penitenciário de Gericinó, na Zona Oeste do Rio de Janeiro.

Brasil247

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui